O ensino da língua estrangeira em conflito

a busca de atitudes críticas conciliadoras

Autores

DOI:

https://doi.org/10.1590/1981-5794-e12628

Palavras-chave:

Linguística Aplicada Crítica, Análise Crítica do Discurso, Culturas de Paz, Afinidades eletivas

Resumo

A aprendizagem de uma língua estrangeira pressupõe não apenas o domínio das dimensões sistêmica e funcional, mas também o desenvolvimento de uma atitude crítica, considerando aspectos como a consciência dos inúmeros conflitos que subjazem ao estudo das línguas e as inúmeras tentativas de solução já apresentadas, seja por meio do confronto ou da conciliação. O objetivo principal deste trabalho é investigar a possibilidade de uma solução conciliadora para esses conflitos, propondo, para isso, uma metodologia com base nas afinidades eletivas. A fundamentação teórica vem da Análise Crítica do Discurso, que induz a emergência do conflito, e passa pelas Culturas de Paz, que tentam resolver o conflito pelo diálogo. Os dados são coletados do que foi publicado pela imprensa mundial em 12 de setembro de 2001, sobre os ataques às Torres Gêmeas em Nova York no dia anterior. A conclusão é de que a solução do conflito pela via da atitude conciliadora implica, da parte do enunciador, uma ruptura provisória com seu contexto imediato para construir vínculos mais duradouros com interlocutores de outras culturas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Vilson J. Leffa, Universidade Federal de Pelotas (UFPel). Pelotas – RS – Brasil.

PhD em Linguística Aplicada

University of Texas at Austin

1984

André Firpo Beviláqua, Universidade Federal de Pelotas (UFPel). Pelotas – RS – Brasil.

Centro de Letras e Comunicação

Doutorando

Helena dos Santos Kieling, Universidade Federal de Pelotas (UFPel). Pelotas – RS – Brasil.

Centro de Letras e Comunicação

Doutoranda

Downloads

Publicado

29/06/2021

Como Citar

LEFFA, V. J.; BEVILÁQUA, A. F.; KIELING, H. dos S. O ensino da língua estrangeira em conflito: a busca de atitudes críticas conciliadoras. ALFA: Revista de Linguística, São Paulo, v. 65, 2021. DOI: 10.1590/1981-5794-e12628. Disponível em: https://periodicos.fclar.unesp.br/alfa/article/view/12628. Acesso em: 18 out. 2021.

Edição

Seção

Artigos Originais