A gramática e suas interfaces

Autores

  • Maria Helena de Moura Neves UNESP - Universidade Estadual Paulista/Araraquara - SP

Palavras-chave:

Gramática, Política lingüística, Poética, Metalingüística, Variação, ação escolar,

Resumo

Com base na noção de gramática como cálculo de produção de sentido, o texto discute as interfaces estabelecidas pelo acionamento da gramática de uma língua, considerada bem comum de uma comunidade. A discussão parte da interface entre gramática e política lingüística (configuração de território, com foco na identidade lingüística) para chegar à interface entre gramática e ação escolar (configuração de decisões, com foco no uso lingüístico), ficando envolvidas as interfaces da gramática com a poética (vivência privilegiada), com a descrição lingüística (reflexão privilegiada) e com a variabilidade lingüística (formação de padrões). O fato de eleição para exame, nesse percurso, é a gramaticalização, que evidencia a relação entre funcionamento lingüístico e sistema gramatical.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

19/05/2009

Como Citar

NEVES, M. H. de M. A gramática e suas interfaces. ALFA: Revista de Linguística, São Paulo, v. 51, n. 1, 2009. Disponível em: https://periodicos.fclar.unesp.br/alfa/article/view/1427. Acesso em: 19 set. 2021.

Edição

Seção

Artigos Originais