Compreensão idiomática mediada com recursos imagéticos

o papel das representações conceituais

Autores

  • José William da Silva Netto Universidade Federal do Ceará (UFC). Casa de Cultura Britânica. Centro de Humanidades. Fortaleza – CE – Brasil. https://orcid.org/0000-0003-0892-9933

DOI:

https://doi.org/10.1590/1981-5794-e15561

Palavras-chave:

Expressões idiomáticas, compreensão de expressões idiomáticas, abordagem composicional, gramática do design visual, representações conceituais

Resumo

Este trabalho sugere uma articulação teórica entre a compreensão de expressões idiomáticas (doravante EI), na perspectiva composicional de Glucksberg (1993), Cacciari e Levorato (1998), Vega-Moreno (2003), Gibbs e Colston (2007), dentre outros, e as representações conceituais da Gramática do Design Visual (doravante GDV), quais sejam, os processos classificatório, simbólico e analítico, de Kress e Van Leeuwen (2006). Adotam-se o ponto de vista pragmático e a noção de contexto, de Koch e Travaglia (2015) e Koch (2016), para melhor acomodar as apreciações acerca dos textos multimodais elencados, como as charges, os quadrinhos e os anúncios publicitários. A análise revelou que as representações conceituais, vistas desde a disposição das personagens no enquadramento, os valores socioculturais suscitados pelos atributos simbólicos, a mobilização de conhecimentos prévios e a percepção dos referentes textuais, para citar alguns, desempenham um papel crucial como estratégia de compreensão idiomática. Com efeito, este ensaio visa a expandir o escopo das investigações sobre EI para as análises de textos multimodais e, em uma esfera pedagógica, instruir investigações, tanto sobre os materiais didáticos em língua estrangeira e materna, como também objetiva auxiliar os professores de língua quanto às modalidades mais contextualizadas de ensinar as EI em sala de aula.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Publicado

18/10/2022

Como Citar

SILVA NETTO, J. W. da. Compreensão idiomática mediada com recursos imagéticos: o papel das representações conceituais. ALFA: Revista de Linguística, São Paulo, v. 66, 2022. DOI: 10.1590/1981-5794-e15561. Disponível em: https://periodicos.fclar.unesp.br/alfa/article/view/15561. Acesso em: 5 dez. 2022.

Edição

Seção

Artigos Originais