Os estudos linguísticos e a constituição de objetos de discurso: os conceitos da linguística textual como referência para o tratamento teórico-analítico da escrita escolar

Autores

  • Emerson de Pietri USP – Universidade de São Paulo. Faculdade de Educação. São Paulo – SP – Brasil.

DOI:

https://doi.org/10.1590/1981-5794-1405-5

Palavras-chave:

Análise do Discurso, Linguística textual, Escrita escolar,

Resumo

Neste artigo, apresentam-se resultados de pesquisa cujo objetivo é investigar o processo de constituição da escrita escolar em objeto dos estudos linguísticos. Seguindo-se orientação teórica filiada à Análise do Discurso de linha francesa, analisaram-se relatórios de pesquisas desenvolvidas na primeira metade da década de 90 do século XX, em programas de pós-graduação de universidades públicas paulistas. A circunscrição metodológica do corpus se fez de modo a considerar um espaço de relações interdiscursivas específicas que se apresentaram entre os discursos acadêmico, pedagógico e oficial, no Estado de São Paulo, desde os anos finais da década de 70 do século XX. A análise dos dados evidenciou a referência, no momento histórico observado, a uma memória já constituída do discurso acadêmico sobre a escrita escolar, produzida nas décadas de 70 e de 80. Mostrou também que elementos teóricos da linguística textual referenciaram a mobilização de perspectivas teóricas dos estudos linguísticos para o tratamento da escrita escolar nas pesquisas observadas. A consolidação de uma memória discursiva própria ao discurso acadêmico e a estabilidade da noção de texto elaborada pela linguística textual constituíram índices para a delimitação e distanciamento, nesse discurso, dos espaços do acadêmico e do escolar.

Biografia do Autor

Emerson de Pietri, USP – Universidade de São Paulo. Faculdade de Educação. São Paulo – SP – Brasil.

Émerson de Pietri é licenciado em Letras pela Universidade Estadual de Campinas. É Mestre e Doutor em Lingüística Aplicada ao Ensino/Aprendizagem de Língua Materna pela mesma Universidade. Atualmente é professor da Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo, no Departamento de Metodologia do Ensino e Educação Comparada. 

Downloads

Publicado

20/05/2014

Edição

Seção

Artigos Originais