Semântica global e possibilidades discursivas: o discurso relatado em duas revistas de divulgação científica

Autores

  • Marcela Franco Fossey UNICAMP - Universidade Estadual de Campinas/Campinas - SP

Palavras-chave:

Divulgação científica, Semântica global, Discurso relatado,

Resumo

O trabalho que se segue visa descrever, a partir de uma perspectiva discursiva, como duas revistas de divulgação científica, Superinteressante e Pesquisa FAPESP, utilizam o discurso relatado. A descrição deste traço específico – como a voz de outrem se materializa nas reportagens dessas revistas – é parte de um trabalho mais amplo, que buscou caracterizar a forma de divulgar ciência em ambas as publicações. Para tanto, consideramos, com base nos preceitos teóricos da Análise do Discurso francesa e na noção de semântica global (MAINGUENEAU, 2005), que, por meio de indícios que a materialidade do discurso permite observar, podemos ter acesso aos processos discursivos característicos de cada publicação. Nesse sentido, identificar as formas privilegiadas, por cada revista, de discurso relatado, mostrou-se uma etapa bastante relevante nesta pesquisa.

Downloads

Publicado

18/05/2009

Edição

Seção

Artigos Originais