Pobreza no estado de Minas Gerais: uma análise da região Norte

Nathana Jéssica Pereira, Kellen Rocha de Souza

Resumo


O presente trabalho tem como objetivo analisar a pobreza na macro região Norte do estado de Minas Gerais, subdividida em quatro mesorregiões, sendo elas o Noroeste de Minas, Norte de Minas, Jequitinhonha e Vale do Mucuri, pois apesar do estado apresentar altos índices de desenvolvimento econômico comparativamente aos demais estados do país, sua macro região norte apresenta índices altos de pobreza. Além disso, esta pesquisa busca também identificar os principais agravantes naquela região, usando como principal fonte de dados a plataforma do Índice Mineiro de Responsabilidade Social (IMRS) da Fundação João Pinheiro (FJP). Para uma melhor análise, foram pesquisados dados referentes à educação, saneamento básico e renda, de maneira a identificar o percentual de municípios em cada mesorregião que se encontram em situação preocupante quanto ao nível de pobreza. A partir disso, tal como esperado, encontrou-se como resultado um nível alto de pobreza na região Norte de Minas, na qual não são garantidos à grande parte da população itens básicos para a sobrevivência, como serviço de esgotamento sanitário, banheiro, acesso à escolaridade, entre outros. Dessa forma, ficou evidente que a região não é atendida com tais itens básicos dificultando assim o desenvolvimento socioeconômico da mesma.

Palavras-chave


Pobreza multidimensional; Norte de Minas; Pobreza em Minas Gerais; Desigualdade; Necessidades básicas;

Texto completo:

PDF


E-ISSN: 2358-5951