Aquém ou além das metáforas: a escrita poética na filosofia de Deleuze

Annita Costa Malufe

Resumo


Um dos principais filósofos contemporâneos, Gilles Deleuze (1925- 1995) construiu seu pensamento em estreita ligação com a literatura. Podese dizer que, em Deleuze, linguagem e pensamento estão em pressuposição recíproca, de modo que a construção conceitual se dá inseparavelmente da construção de um estilo na escrita, como ele mesmo afirmava. O artigo aborda a concepção de linguagem presente em sua filosofia a partir da observação de seu próprio estilo. Nosso objetivo é explicitar o modo não-metafórico, e consequentemente não-representacional, de compreensão da escrita poética aí proposto, tendo em vista, com isto, a pertinência da filosofia de Deleuze com certas tendências poéticas modernas e contemporâneas.


Palavras-chave


Metáfora; Gilles Deleuze; Escrita; Poética;

Texto completo:

PDF


E-ISSN: 1981-7886
ISSN: 0101-3505