Tendências católicas: perspectivas do cristianismo da libertação

Flávio Munhoz Sofiati

Resumo


O texto analisa as diferentes vertentes da Igreja Católica no Brasil, apresentando-as a partir de teóricos da própria Igreja das ciências sociais. Em seguida, discute-se a tendência ligada à Teologia da Libertação, chamada de Cristianismo da Libertação. Afirma-se que o conceito de “Tendências Internas do Catolicismo” é mais apropriado para compreender os processos internos do catolicismo e que, atualmente, a Teologia da Libertação vem perdendo espaço no cenário religioso. Isso ocorre em virtude de questões internas – como o fortalecimento do movimento carismático – e externas – como o advento do neoliberalismo. Diante dessa situação, esse segmento assume uma nova postura de atuação, que tem como idéia central a construção de mudanças “de baixo para cima” e em longo prazo. Conclui-se que houve um recuo programático dessa tendência que passa a priorizar sua ação no interior da Igreja e a valorizar temas como espiritualidade, ecologia e cultura em detrimento da dimensão política.


Palavras-chave


Sociologia da Religião; Catolicismo; Tendências católicas; Teologia da libertação;

Texto completo:

PDF


E-ISSN: 1982-4718
ISSN: 1414-0144

Licença Creative Commons
Revista Estudos de Sociologia by Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais da Faculdade de Ciências e Letras de Araraquara - Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" is licensed under a Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Proibição de realização de Obras Derivadas 3.0 Unported License.