Reflexões sobre normalidade e desvio social

Autores

  • Richard Miskolci UNESP – Universidade Estadual Paulista/Araraquara - SP

Palavras-chave:

Normal, Patológico, Sexualidade, Hereditariedade, Eugenia, Degeneração,

Resumo

O texto expõe como se instituiu uma das oposições fundamentais na organização de nossa sociedade. A partir da reconstrução histórica do processo de normalização chegamos ao movimento sócio-científico da Eugenia e a poderosa teoria da hereditariedade sob o qual ela se assentava. A categoria social dos anormais é analisada como produto de discursos e práticas sociais, portanto, historicamente. Por fim, apresentamos algumas considerações sobre a polaridade normalidade e patologia na sociedade contemporânea e a persistência de teorias que visam naturalizar diferenças individuais e desigualdades sociais.

Downloads

Publicado

24/05/2007

Edição

Seção

Artigos