As possibilidades do pensamento e ação transformadores na sociedade do espetáculo

Autores

  • Fábio Cardoso Marques

Palavras-chave:

Sociedade do espetáculo, Sociedade unidimensional, História, Ideologia, Ecossocialismo

Resumo

Entre o conceito de sociedade do espetáculo de Guy Debord e de sociedade unidimensional de Herbert Marcuse existe grande afinidade de base teórica e de perspectiva histórica. O agravamento do domínio da racionalidade instrumental sobre as sociedades modernas, demonstrando o avanço da forma mercadoria sobre a quase totalidade das relações sociais. Ampliação da sociedade de consumo como um estágio, supostamente, mais avançado de civilização. Processo ideológico de domínio político que tenta a obliteração das formas de pensamento e ação críticas ou do surgimento do sujeito histórico transformador, como pensado por Karl Marx. No entanto, esta última fase do capitalismo, o neoliberalismo, pode conter um germe de transformação social e dialética da história. A reflexão de Michael Löwy sobre o ecossocialismo nos sugere que a dominação absoluta da forma mercadoria pode chegar a uma etapa de esgotamento ético e material ou dos recursos naturais.

Downloads