Fundos de pensão dos Estados Unidos e do Canadá e suas influências no modelo de fundo de pensão do Brasil

Maria Aparecida Chaves Jardim

Resumo


O artigo faz parte de um conjunto de reflexões levantadas pela autora sobre a criação e a gestão de fundos de pensão sindicais no Brasil, França, Canadá e Estados Unidos. No texto que ora se apresenta busca, especialmente, contextualizar o mercado de fundos de pensão nos Estados Unidos e Canadá. Mostra que nos Estados Unidos os fundos de pensão são apresentados como novos acionistas das empresas e como vetores de novas exigências e de novos direitos de propriedade (SAUVIAT, 2002/3); que no Canadá, os sindicatos reivindicam o direito de gerir o dinheiro dos fundos de pensão dos trabalhadores (LIZEE, 2002/3), com equilíbrio entre o dispositivo social e o dispositivo financeiro. Introduz brevemente o debate sobre a influência do Canadá e dos Estados Unidos sobre o modelo de fundos de pensão do governo Lula.

Palavras-chave


Fundos de pensão; Sindicalismo; “Moralização/domesticação” do capitalismo; Governo Lula; Novas estratégias sindicais

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.32760/1984-1736/REDD/2009.v1i2.1721

Direitos autorais 2009 REDD – Revista Espaço de Diálogo e Desconexão

 

 

 

E-ISSN: 1984-1736

UNESP - Universidade Estadual Paulista / Araraquara
 Rod. Araraquara - Jaú Km1 Bairro dos Machados Caixa Postal 174 CEP: 14.800-901 Araraquara - SP