Imigração laboral e o setor têxtil-vestuário de São Paulo: notas sobre a presença boliviana nas confecções de costura

Beatriz Isola Coutinho

Resumo


O crescimento da presença hispânica na cidade de São Paulo, principalmente dos imigrantes bolivianos nesta última década, está comumente relacionado com a produção de artigos de vestuário em pequenas confecções. Trata-se de um fenômeno complexo, cuja discussão é cada vez mais recorrente no meio acadêmico, institucional e midiático. Inserido no contexto de mundialização comercial e econômica, encontra-se permeado por ilegalidades e vicissitudes inerentes à dinâmica migratória. No presente trabalho, apresentamos algumas características deste fenômeno através do diálogo entre os conceitos e metodologias dos estudos sobre imigração, articulando-os com bibliografias específicas sobre os andinos no setor têxtil paulistano.

Palavras-chave


Imigração; Trabalho; Bolivianos; Confecções;

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.32760/1984-1736/REDD/2011.v4i1.5040

Direitos autorais 2012 REDD – Revista Espaço de Diálogo e Desconexão

 

 

 

E-ISSN: 1984-1736

UNESP - Universidade Estadual Paulista / Araraquara
GT Trabalho e Trabalhadores Departamento Sociologia Rod. Araraquara - Jaú Km1 Bairro dos Machados Caixa Postal 174 CEP: 14.800-901 Araraquara - SP