A celebrização como sucessora do carisma ou como contrapartida secular? O papel dos famosos na sociedade contemporânea

Autores

Palavras-chave:

Celebridades, Carisma, Weber, Cultura Popular, Mídia,

Resumo

Este artigo busca compreender qual o papel do carisma na sociedade contemporânea e qual sua relação com as celebridades – indivíduos que atualmente são responsáveis por concentrar a atenção da sociedade. O carisma, na concepção weberiana, é entendido como uma qualidade de poucos indivíduos, vista como algo mágico, extracotidiano, responsável por dar legitimidade ao líder. A celebridade é um sujeito que ascendeu ao estrelato sem, necessariamente, ter nenhuma qualidade que não seja a de ser conhecido por um grande número de pessoas. Com o declínio das religiões e a diminuição da importância dada aos líderes políticos/religiosos, viso compreender se e até que ponto as celebridades incorporaram elementos típicos da conduta dos líderes carismáticos, se as celebridades são uma forma moderna de carisma, se o carisma weberiano é um conceito datado, não servindo para analisar o atual tempo, ou se continua tendo seu espaço na atual conjectura.

Biografia do Autor

João Kamradt, Faculdade Ielusc. Departamento de Ensino Superior. Joinville – SC – Brasil.

Doutorando e mestre em Sociologia Política na Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC)Graduado em Comunicação Social com ênfase em jornalismo. Professor dos cursos de Comunicação e Publicidade e Propaganda da UniSociesc.

Downloads

Publicado

24/07/2020