Provérbios, da cultura popular à terapia comunitária

Jussara de Souza Mendes de Brito, Katiana Kruschewsky Coutinho Santos

Resumo


Os provérbios são expressões populares usadas para transmitir conhecimento e experiências de vida, com a finalidade de orientar ou mesmo aconselhar em situações do cotidiano. São amplamente utilizados na linguagem falada e constitui parte importante da cultura de um povo. Estão presentes na comunicação informal, como reuniões de amigos e família, assim como nas rodas de Terapia Comunitária. Dessa forma, buscou-se apresentar nesse trabalho o significado dos provérbios mais frequentes nas rodas de terapia. Trata-se de um relato de experiência, tendo como pano de fundo as rodas de Terapia Comunitária realizadas na Universidade Aberta à Terceira Idade – Uati, da Universidade do estado da Bahia, no período de 18 meses. Através desses significados entendemos que os provérbios trazidos na TC atuam como importantes ferramentas para reflexão, orientação e autoavaliação dos participantes das rodas de terapia.

Palavras-chave


Terapia comunitária. Provérbios. Reflexão. Síntese.

Texto completo:

PDF

Referências


BARRETO, A. P. Terapia comunitária: passo a passo. 4. ed. Fortaleza: Gráfica LCR, 2008.

BIRMAN. J. A terceira idade em questão. A Terceira idades: estudos sobre envelhecimento. Serviço Social do Comercio. São Paulo, v. 24, n. 58, p. 50-68, nov. 2013.

CAMARANO, A. A.; PASSINATO, M. T. O envelhecimento populacional na agenda das políticas públicas. In: CAMARANO, A. A. (org.). Os novos idosos brasileiros: muito além dos 60? Rio de Janeiro: IPEA, 2004.

CASCUDO, L. C. Coisas que o povo diz. São Paulo: Global Editora, 2012.

CASCUDO, L. C. Locuções tradicionais no Brasil. 3. ed. Rio de Janeiro: Fundart, 1997.

FERNANDES, M. T. O.; SOARES, S. M. O desenvolvimento de políticas públicas de atenção ao idoso no Brasil. Rev Esc Enferm USP, 2012, p. 1494-1502.

GUERRA, S. A. D. Os caminhos da UATI. Salvador: EDUNEB, 2012.

MONDIN, B. O homem. Quem é ele? Elementos de Antropologia Filosófica. 13 ed. São Paulo: Editora Paulus, 2008.

NERI, A. L. Envelhecimento e qualidade de vida na mulher. Anais... Comunicação no 2º Congresso Paulista de Geriatria e Gerontologia. GERP, 2005. Universidade Estadual de Campinas.

PRATA, M. Mas Será o Benedito? 18 ed. São Paulo: Globo, 2003. p. 17-47.

XATARA, C. M.; SUCCI, T. M. Revisitando o conceito de provérbio. Revista de Estudos Linguísticos Veredas, Juiz de Fora, v.1, n. 1, p. 33-48, 2008.




DOI: https://doi.org/10.26673/tes.v12i2.10232



Temas em Educ. e Saúde, Araraquara, SP, Brasil, e-ISSN 2526-3471, ISSN 1517-7947

Prefixo DOI: 10.26673/rtes

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.