A Comissão Nacional da Verdade e a reconstituição do passado recente brasileiro: uma análise preliminar da sua atuação

Autores

  • Carlos Artur Gallo UFRGS - Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Filosofia e Ciências Humanas - Pós-Graduação em Ciência Política. Porto Alegre - RS – Brasil.

Palavras-chave:

Comissões da Verdade, Ditadura civil-militar no Brasil (1964-1985), Memória da repressão política,

Resumo

Neste estudo, analisa-se o surgimento e a atuação da Comissão Nacional da Verdade (CNV) criada no Brasil para lidar com a memória da repressão política praticada durante a ditadura civil-militar iniciada em 1964. Para melhor organizar a exposição, o estudo encontra-se dividido em duas seções. Na primeira, é analisado o processo de elaboração do 3º Programa Nacional de Direitos Humanos (PNDH-3) e do Projeto de Lei que criou a Comissão Nacional da Verdade (CNV). Na segunda, analisamos os resultados produzidos pelos trabalhos da Comissão, atentando para os percalços surgidos em sua trajetória.

Biografia do Autor

Carlos Artur Gallo, UFRGS - Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Filosofia e Ciências Humanas - Pós-Graduação em Ciência Política. Porto Alegre - RS – Brasil.

Bacharel em Direito (UniRitter, 2007) e em Ciências Sociais (UFRGS, 2010). Especialista em Direito Internacional (UFRGS, 2009). Mestre (2012) e Doutorando em Ciência Política (UFRGS). Bolsista da CAPES.

Downloads

Publicado

19/01/2016