Notas sobre os fundamentos da crítica de Theodor Adorno à indústria cultural

Autores

  • Igor Lula Pinheiro Silva Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" (UNESP). Faculdade de Ciências e Letras de Araraquara.

DOI:

https://doi.org/10.29373/sas.v5i0.8862

Palavras-chave:

Teoria crítica, Indústria cultural, Formação intelectual, Formação estética,

Resumo

O presente trabalho tem como objetivo expor os principais fundamentos da crítica à indústria cultural, realizada por Theodor Adorno em um ensaio da Dialética do esclarecimento. Para tanto, optamos por apresentar os elementos mais significativos de sua formação intelectual e estética em íntima relação com alguns aspectos teóricos centrais do texto em questão. Em um primeiro momento, a exposição é realizada com foco no contexto histórico de Adorno e em algumas informações biográficas. Em seguida, alguns dos pressupostos filosóficos do ensaio são colocados em evidência e relacionados à formação intelectual e estética do filósofo. Por fim, a intenção é que todos os temas apresentados neste trabalho formem uma constelação que revele uma imagem geral e significativa da crítica de Adorno à indústria cultural.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

01/06/2016

Como Citar

SILVA, I. L. P. Notas sobre os fundamentos da crítica de Theodor Adorno à indústria cultural. Revista Sem Aspas , [S. l.], v. 5, p. 67–77, 2016. DOI: 10.29373/sas.v5i0.8862. Disponível em: https://periodicos.fclar.unesp.br/semaspas/article/view/8862. Acesso em: 5 dez. 2021.

Edição

Seção

Artigos