Possibilidades para o ensino de língua inglesa na era pós-método – um relato de experiência de estágio

Claudia Marchese Winfield, Daniele Carla de Morais, Fernanda Sanches Busch

Resumo


Este artigo é relato de experiência de estágio curricular supervisionado em Língua Inglesa que propõe uma prática de ensino da Língua Inglesa aliada à teoria de acordo a visão pós-método de ensino da L2, levando em consideração postulados da área de leitura na L2 de acordo com a perspectiva cognitiva. As experiências relatadas indicam que a perspectiva adotada levou a uma prática que foi considerada significativa pelas professoras em formação envolvidas, pois as atividades foram realizadas pelos alunos e pelas alunas com perceptível motivação e engajamento. Além disso, de acordo com as professoras em formação, os resultados foram mais positivos do que o esperado tendo em vista os objetivos propostos em termos de uso e compreensão do conteúdo linguístico e do ensino mediado por gêneros orais e escritos.

Palavras-chave


Estágio curricular supervisionado; Teoria; Prática

Texto completo:

PDF

Referências


AEBERSOLD, J. A.; FIELD, M. L. From reader to reading teacher. Cambridge, RU: Cambridge University Press. 1997.

BRASIL. Ministério da Educação, 2000. Parâmetros Curriculares Nacionais: Ensino Médio: Linguagens, códigos e suas tecnologias. Brasília: Secretaria de Educação Média e Tecnológica. Disponível em: . Acesso em 4 de set. de 20017.

BROWN, D. Teaching by Principles: An Interactive Approach to Language Pedagogy. New York: Longman. 2001.

CALLEGARI, M. O. V. Reflexões sobre o modelo de aquisição de segundas línguas de Stephen Krashen: uma ponte entre a teoria e a prática em sala de aula. Trab. linguist. apl., Campinas, v. 45, n. 1, p. 87-101, June 2006. Disponível em: . Acesso em 23 mar. 2018. Link DOI: .

CARRELL, P. DEVINE, J. ESKEY, D. E. Interactive approaches to second language reading. Cambridge, RU: CUP. 1998.

CARRIÓ-PASTOR, M. L.; MESTRE, E. M. Motivation in Second Language Acquisition. In Procedia - Social and Behavioral Sciences. 2014. Disponível em: . Acesso em 23 mar. 2018.

DÖRNEY, Z. The psychology of the language learner: Individual differences in second language acquisition. Mahwah, NJ: Lawrence Erlbaum, 2005.

DÖRNEY, Z. The L2 Motivational Self System. In: DÖRNEY, Z.; USHIODA, E. (Org.). Motivation, language identity and the L2 self. Bristol: Multilingual Matters, 2009. pp. 9-42.

DOLZ, J. M., NOVERRAZ, M. e SCHNEUWLY, B. Gêneros orais e escritos na escola. Campinas: Mercado de Letras, 2004.

IFA, S. Estágio Supervisionado em Língua Inglesa: experiências significativas para a construção de conhecimento sobre a prática docente. Estudos Linguísticos e Literários. Nº 50, jul – dez 2014, Salvador: pp. 100-119.

KRASHEN, S. Principles and Practices. 1982. Disponível em: . Acesso em 16 mar. de 2018.

KUMARAVADIVELU, B. Toward a Postmethod Pedagogy. TESOL QUARTERLY. Vol. 35, no. 4, 2001.

KUMARAVADIVELU, B. Beyond Methods: Macrostrategies for Language Teaching. New Haven: Yale University Press, 2003.

MOTTA, M.B.; AZEREDO, F. Cadernos do IL. Porto Alegre, n.º 38, junho de 2009. p. 22-42. Disponível em: . Acesso em 17 de mar. de 2018.

POE, E. A. The tell tale heart. Disponível em: . Acesso em 20 de outubro de 2017

SARTI, F. Relações intergeracionais e alternância na formação docente: considerações a partir de uma proposta de estágio supervisionado. Cadernos de Educação. FaE/PPGE/UFPel Pelotas [46], 83–99, setembro/dezembro 2013.

UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ. Regulamento de Estágio Curricular Supervisionado dos Cursos de Licenciatura da UTFPR. Disponível em: . Acesso em 24 de mar. de 2018.




DOI: https://doi.org/10.29051/rel.unesp.v4.n2.2018.11256



Direitos autorais 2018 Revista EntreLínguas

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

Rev. EntreLínguas, Araraquara, SP, Brasil. e-ISSN: 2447-3529, ISSN: 2447-4045

DOI Prefix: 10.02951/rel

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.