Um olhar pluricêntrico no ensino de português língua não materna: o papel das literaturas africana, macaense e timorense

Autores

DOI:

https://doi.org/10.29051/el.v7iesp.6.15427

Palavras-chave:

Português Língua Não Materna (PLNM), Português Língua Estrangeira (PLE), Pluricentrismo Linguístico, Literatura e ensino de línguas.

Resumo

A língua portuguesa é uma língua pluricêntrica e internacional, sendo uma das maiores do mundo, com falantes nativos e aprendizes em diversos países. Contudo, o ensino de Português Língua Não Materna (PLNM) na atualidade, bem como os respectivos materiais didáticos focam apenas em uma ou outra norma do português, o Português Europeu ou o Português Brasileiro. Assim, diante da escassez de materiais didáticos que abordem a língua portuguesa como pluricêntrica, propomos aqui uma discussão e um roteiro, sendo que em nossa proposta utilizamos textos literários como exemplos autênticos das diferentes normas linguísticas existentes do português junto ao trabalho intercultural e ao ensino comunicativo do português. Desta maneira, após a introdução, apresentamos uma discussão teórica sobre o assunto seguida por um exemplo e um roteiro para elaboração. Finalmente, apontamos alguns aspectos positivos e o impacto nos alunos a respeito do uso desse tipo de material.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Davi Albuquerque, Universidade Federal de Goiás (UFG), Goiânia – GO – Brasil

Membro do Núcleo de Estudos de Ecolinguística e Imaginário (NELIM). Doutorado em Linguística (UnB).

Referências

ALBUQUERQUE, D. Materiais didáticos pluricêntricos e avaliação em aulas de Português Língua Estrangeira (PLE). Revista Linguagem, v. 38, n. 2, 2021.

BIZARRO, R. Linguística e Literatura: uma relação produtiva na aula de LE. In: OLIVEIRA, F.; DUARTE, I. M. (org.). O Fascínio da Linguagem. Porto: Universidade do Porto, 2008. p. 355-364.

DINIZ, L. R. A.; SCARAMUCCI, M. V. R.; STRADIOTTI, L. M. Uma análise panorâmica de livros didáticos de português do Brasil para falantes de outras línguas. In: DIAS, R.; CRISTOVÃO, V. L. (org.). O livro didático de língua estrangeira: múltiplas perspectivas. Campinas, SP: Mercado de Letras. 2009. p. 265-300.

FONSECA, F. I. Da inseparabilidade entre o ensino da língua e o ensino da literatura. In: REIS, C. et al. (org.). Didáctica da língua e da literatura. Coimbra: Almedina/ ILLP/ Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra, 2000. v. 1, p. 37-45.

LIMA, S. I. Desenvolvimento da competência intercultural e literatura lusófona em aulas de PLE: relato de uma experiência em turmas de nível B. Relatório de estágio. 2016. Dissertação (Mestrado em Português Língua Segunda/ Estrangeira) – Faculdade de Letras, Universidade do Porto, Porto, 2016.

TAKAHASHI, N. T. Textos literários no ensino de português-língua estrangeira (PLE) no Brasil. 2008. Dissertação (Mestrado em Letras) – Universidade de São Paulo, São Paulo, 2008.

TAKAHASHI, N. T. Leitura literária em português-língua estrangeira (PLE): representações, compreensão e produção textual. 2015. Tese (Doutorado em Letras) – Universidade de São Paulo, São Paulo, 2015.

Publicado

28/12/2021

Como Citar

ALBUQUERQUE, D. Um olhar pluricêntrico no ensino de português língua não materna: o papel das literaturas africana, macaense e timorense. Revista EntreLinguas, Araraquara, v. 7, n. esp.6, p. e021145, 2021. DOI: 10.29051/el.v7iesp.6.15427. Disponível em: https://periodicos.fclar.unesp.br/entrelinguas/article/view/15427. Acesso em: 20 maio. 2022.