¿Qué me cuentas, CELIN? Uma análise sobre o uso de contos nas aulas de espanhol do Centro de Línguas e Interculturalidade da UFPR

Phelipe de Lima Cerdeira

Resumo


Este artigo analisa de que forma os contos literários são trabalhados nas aulas de espanhol como língua estrangeira (ELE) a partir do projeto El cuento en lengua española y sus relaciones con la Interculturalidad, instituído no CELIN da UFPR. Toda a reflexão conta como premissa metodológica a busca de aportes teóricos relacionados ao uso da literatura como mediadora nas aulas de ELE. Em uma segunda etapa, realizou-se uma rodada de pesquisas qualitativas, aplicadas no último semestre de 2015, contemplando os 13 professores da área de espanhol, além de uma entrevista com um dos idealizadores do projeto. Da iniciativa inicial para viabilizar um espaço no qual a literatura é referência para a interação e para a interculturalidade, problematiza-se como o uso dos contos acabou sendo simplificado a uma etapa burocrática de avaliação ou de sistematização de paradigmas verbais. Uma história que se transforma em questionamento e, principalmente, em desafio ao ensinar.


Palavras-chave


Ensino-aprendizagem; Contos literários; ELE; CELIN-UFPR;

Texto completo:

PDF




Direitos autorais 2016 Revista EntreLínguas



Rev. EntreLínguas, Araraquara, SP, Brasil. e-ISSN: 2447-3529, ISSN: 2447-4045

DOI Prefix: 10.02951/rel

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.