Educação física na educação infantil: um estudo das escolas municipais da cidade de Limeira/SP

Autores

  • Flávia Baccin Fiorante Faculdades Integradas Einstein de Limeira
  • Vitória Juliana Silva Paiva Faculdades Integradas Einstein de Limeira
  • Breno José de Carvalho Faculdades Integradas Einstein de Limeira
  • Laís Inês Sanseverinato Micheleti Universidade Estadual Paulista

DOI:

https://doi.org/10.26673/rtes.v14.n1.2018.11211

Palavras-chave:

Escola, Educação física, Tendências pedagógicas.

Resumo

A Educação Física Escolar passou por profundas mudanças na década de 80, as quais estiveram relacionadas com o surgimento de novas tendências pedagógicas para a área. Sendo assim, este artigo tem como objetivo geral analisar se há relações entre o discurso dos professores de Educação Física das escolas municipais da cidade de Limeira, interior do estado de São Paulo, e as tendências pedagógicas sugeridas para os alunos do ensino infantil. Para atender os objetivos traçados neste estudo, foi utilizada a abordagem qualitativa, tendo como recurso a pesquisa de campo, utilizando uma ficha-cadastro e uma entrevista semiestruturada. Foram entrevistados dez professores que ministram aulas desta disciplina para turmas de três a seis anos em escolas municipais de Educação Infantil da área urbana de Limeira. Os dados revelam que a maioria dos professores salientam ter o hábito da leitura, porém apenas um fez menção a um autor relacionado às tendências estudadas neste trabalho. Quanto ao conhecimento e utilização das tendências pedagógicas, três, dos dez professores, citaram conhecer as tendências estudadas neste trabalho e apenas um citou conhecer e trabalhar a Construtivista e a Psicomotricidade. Percebeu-se que, dos dez entrevistados, nove citaram que tiveram acesso a essa temática na graduação. O estudo nos levou a refletir que não há uma ou outra tendência que é elucidada, mas é possível ações conjuntas visando contribuir para a ação pedagógica do professor.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Vitória Juliana Silva Paiva, Faculdades Integradas Einstein de Limeira

Graduanda em Educação Física. PABIC/FIEL.

Breno José de Carvalho, Faculdades Integradas Einstein de Limeira

Graduando em Educação Física. PABIC/FIEL.

Laís Inês Sanseverinato Micheleti, Universidade Estadual Paulista

Graduanda em Pedagogia

Referências

FIORANTE, F. B. Educação física escolar: (re) vendo os pressupostos e a prática pedagógica. Piracicaba, Unimep, 2003. Dissertação (Mestrado em Educação Física), Universidade Metodista de Piracicaba, 2003.

FREIRE, J. B. Educação de corpo inteiro: teoria e prática da educação física. 2 ed. São Paulo: Summus, 1991.

LUDKE, M.; ANDRÉ, M. E. D. A. Pesquisa em educação: abordagens qualitativas. São Paulo: EPU, 1986.

PIAGET, J. A construção do real na criança. Rio de Janeiro: Zahar, 1970.

PIRES, R. G. Formação profissional em educação física no Brasil: suas histórias, seus caminhos. Revista da Faced, Bahia, n° 10, p. 179-193, 2006.

TANI, G. et al. Educação física escolar: abordagem desenvolvimentista. São Paulo: EPU, 1988.

TANI, G. Abordagem desenvolvimentista: 20 anos depois. Revista de Educação Física/UEM, Maringá, v. 19, n. 3, p. 313-331, 2008.

Downloads

Publicado

16/01/2018

Como Citar

FIORANTE, F. B.; PAIVA, V. J. S.; CARVALHO, B. J. de; MICHELETI, L. I. S. Educação física na educação infantil: um estudo das escolas municipais da cidade de Limeira/SP. Temas em Educação e Saúde , Araraquara, v. 14, n. 1, p. 198–210, 2018. DOI: 10.26673/rtes.v14.n1.2018.11211. Disponível em: https://periodicos.fclar.unesp.br/tes/article/view/11211. Acesso em: 9 ago. 2022.

Edição

Seção

Relatos de Experiência