Práticas e ações integradas sobre as arboviroses no contexto educacional de Jaguaribe-CE

Autores

DOI:

https://doi.org/10.26673/tes.v18i00.16217

Palavras-chave:

Educação em saúde, Vírus, Escola, Prática docente

Resumo

As arboviroses atingem milhares de pessoas, sendo grave problema de saúde pública. A educação em saúde contribui na sensibilização da população por levar informações concretas de combate e prevenção para essas doenças. Nessa perspectiva, o trabalho objetivou averiguar os conhecimentos e as práticas educativas dos professores que lecionam nas escolas estaduais de ensino médio presentes na sede de Jaguaribe/CE sobre a temática arboviroses. A pesquisa caracterizou-se como um estudo de caso, de abordagem qualitativa. A coleta de dados se deu por meio de questionário online e a análise dos dados foi feita por meio análise de conteúdo de Bardin. A partir disso, constatou-se que a percepção e o conhecimento dos professores, em relação às arboviroses, ficaram abaixo das expectativas, tornando-se dificultoso trabalhar um tema tão relevante no cenário local, o que se faz preciso maior e melhor capacitação/formação docente para correta disseminação das informações.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Jones Baroni Ferreira de Menezes, Universidade Estadual do Ceará (UECE), Jaguaribe – CE – Brasil

Professor formador do curso de Ciências Biológicas a distância. Pós-doutorando no Programa de Pós-Graduação em Tecnologias da Informação e Comunicação (UFSC).

Francisco Eldefábio Freire Nunes, Universidade Estadual do Ceará (UECE), Jaguaribe – CE – Brasil

Graduado em Ciências Biológicas a distância (BioEaD/UECE).

Referências

AMORIM, S. A. et al. Percepções de Adolescentes Escolares sobre Saúde e Meio Ambiente para Práticas Sustentáveis e Promotoras de Saúde. New Trends in Qualitative Research, v. 8, p. 323-331, 2021. Disponível em: https://publi.ludomedia.org/index.php/ntqr/article/view/421. Acesso em: 27 out. 2021.

ARMINDO, G. L. et al. Materiais educativos impressos sobre Dengue: Análise quali-quantitativa e reflexões sobre comunicação e educação em saúde. Arca Fiocruz, 2011. Disponível em: https://www.arca.fiocruz.br/bitstream/icict/16306/ 2/GISELLE_ARMINDO_et_al_CPqRR_2011.pdf. Acesso em: 11 out. 2021.

ASSIS, S. S. et al. Materiais impressos sobre dengue: análise crítica e opiniões de profissionais de Saúde e Educação sobre seu Uso. Revista Brasileira de Pesquisa em Educação em Ciências, v. 13, n. 3, p. 25-51, 2013. Disponível em: https://periodicos.ufmg.br/index.php/rbpec /article/view/4270/2835. Acesso em: 11 out. 2021.

BARDIN, L. Análise de conteúdo: Laurence Bardin. São Paulo: Edições 70, 2016.

BASTOS, I. B. et al. Georreferenciamento dos imóveis com foco positivo do mosquito Aedes aegypti no município de Sobral (CE). Revista de APS, v. 22, n. 1, p. 137-150, 2019. Disponível em: https://periodicos.ufjf.br/index.php/aps/article/view/16638. Acesso em: 07 out. 2021.

BRASIL. Parâmetros curriculares nacionais: Introdução aos parâmetros curriculares nacionais. Brasília, DF: MEC; SEF, 1997. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/seb/arquivos/pdf/livro01.pdf. Acesso em: 03 jun. 2021.

BRASIL. Vigilância em Saúde: Dengue, Esquistossomose, Hanseníase, Malária, Tracoma e Tuberculose. Brasília, DF: Ministério da Saúde, 2007.

BRASIL. Guia de Vigilância em Saúde: Volume único. 3. ed. Brasília, DF: Ministério da Saúde, 2019.

CATÃO, C. D. S. et al. Ações de educação em saúde em ambiente escolar sobre arboviroses: relato de experiência. Revista Saúde & Ciência Online, v. 8, n. 3, p. 105-114, 2019.

DIESEL, A. et al. Os princípios das metodologias ativas de ensino: Uma abordagem teórica. Revista Thema, v. 14, n. 1, p. 268-288, 2017. Disponível em: https://periodicos.ifsul.edu.br/index.php/thema/article/view/404. Acesso em: 10 set. 2021.

FONSECA JÚNIOR, D. P. et al. Vetores de arboviroses no estado de São Paulo: 30 anos de Aedes aegypti e Aedes albopictus. Revista de saúde pública, v. 53, p. 84, p. 1-12, 2019. Disponível em: https://www.scielo.br/j/rsp/a/dYN7GL65ft3CghLjBJ4QT5L/?lang=pt&format=pdf. Acesso em: 08 abr. 2020.

GIL, A. C. Como elaborar projetos de pesquisa. 4. ed. São Paulo: Atlas, 2002.

GUETERRES, E. C. et al. Educação em saúde no contexto escolar: Estudo de revisão integrativa. Enfermería Global, v. 16, n. 2, p. 464-499, 2017. Disponível em: https://revistas.um.es/eglobal/article/view/235801/210231. Acesso em: 11 out. 2021.

JANIS, I. L. O problema da validação da análise de conteúdo. In: LASSWELL, H.; KAPLAN, A. A linguagem da política. Brasília, DF: Editora da Universidade de Brasília, 1982.

MARTEIS, L. S. et al. Abordagem sobre Dengue na educação básica em Sergipe: Análise de cartilhas educativas. Scientia plena, v. 7, n. 6, p. 1-8, 2011. Disponível em: https://scientiaplena.org.br/sp/article/view/191. Acesso em: 10 jan. 2022.

MELO, S. R.; FEITOZA, L. A. Teatro e Biologia: Uma proposta dinâmica para compreender a nutrição dos neurônios e as relações entre os diferentes sistemas envolvidos. Arquivos do MUDI, v. 14, n. 1/2/3, p. 11-18, 2010. Disponível em: https://periodicos.uem.br/ojs/index.php/ArqMudi/article/view/20417. Acesso em: 18 set. 2022.

PEREIRA, C. V. et al. Educação ambiental e arboviroses no contexto escolar. Rev. enferm. UFPE on line, v. 15, n. 1, p. 1-19, 2021. Disponível em: https://periodicos.ufpe.br/revistas/revistaenfermagem/article/view/244683. Acesso em: 11 nov. 2021.

PRODANOV, C. C. Metodologia do trabalho científico: Métodos e técnicas da pesquisa e do trabalho acadêmico. 2. ed. Novo Hamburgo: Feevale, 2013.

RANGEL-S, S. M. L. Dengue: Educação, comunicação e mobilização na perspectiva do controle - propostas inovadoras. Interface-Comunicação Saúde Educação, Botucatu, v. 12, n. 25, p. 433-441, jun. 2008. Disponível em: https://www.scielo.br/j/icse/a/k5JQVgY8gTfDjyc5q4QQVcw/abstract/?lang=pt. Acesso em: 09 maio 2022.

ROSA, A. P. A. T. et al. Arboviroses. In: TONELLI, E.; FREIRE, L. M. S. Doenças Infecciosas na Infância e Adolescência. 2. ed. Rio de Janeiro: Editora Médica e Científica Ltda., 2000.

SILVA, I. B. et al. Estratégias de combate à dengue através da educação em saúde: Uma revisão integrativa. Saúde (Santa Maria), v. 41, n. 2, p. 27-34, jul./dez. 2015. Disponível em: https://periodicos.ufsm.br/index.php/revistasaude/article/view/10955. Acesso em: 02 set. 2022.

VALLE, D. et al. Lançando luz sobre a dengue. Ciência e Cultura, v. 67, n. 3, p. 4-5, 2015. Disponível em: http://cienciaecultura.bvs.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0009-67252015000300002. Acesso em: 09 out. 2021.

VIVEIRO, A. A.; DINIZ, R. S. Atividades de campo no ensino das ciências e na educação ambiental: Refletindo sobre as potencialidades desta estratégia na prática escolar. Ciência em tela, v. 2, n. 1, p. 1-12, 2009. Disponível em: http://www.cienciaemtela.nutes.ufrj.br/artigos/0109viveiro.pdf. Acesso em: 21 ago. 2022.

Publicado

30/11/2022

Como Citar

MENEZES, J. B. F. de; NUNES, F. E. F. Práticas e ações integradas sobre as arboviroses no contexto educacional de Jaguaribe-CE. Temas em Educação e Saúde , Araraquara, v. 18, n. 00, p. e022010, 2022. DOI: 10.26673/tes.v18i00.16217. Disponível em: https://periodicos.fclar.unesp.br/tes/article/view/16217. Acesso em: 6 fev. 2023.

Edição

Seção

Artigos - Áreas da Educação e Saúde

Artigos Semelhantes

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.