Soberania e Segurança Alimentar e Nutricional na formação do nutricionista

Um olhar sobre documentos curriculares latino-americanos

Autores

DOI:

https://doi.org/10.26673/tes.v19i00.18850

Palavras-chave:

Formação Profissional, Educação Superior, Nutrição

Resumo

Este trabalho objetificou identificar e analisar conteúdos de Soberania e Segurança Alimentar e Nutricional (SSAN) em componentes curriculares de cursos de graduação em nutrição de Instituições de Ensino Superior (IES) da América Latina. Realizado em 2018, através de pesquisa documental exploratória, referenciada na análise de conteúdo, integrando abordagem quantitativa e reflexiva. Fizeram parte do estudo 29 cursos de 25 IES e 17 Projetos Políticos Pedagógicos (PPP). A análise ocorreu a partir das categorias: aderência, coerência, proporção e posição ao longo do curso, classificadas em escala likert em conceitos A, B e C. Destes 17 cursos com PPP, as avaliações resultaram em: 53% B, 29% C e 18% A, apontando o predomínio de pontuações medianas e baixas. A SSAN se mostra distante da visão abrangente, expressa ou não nos documentos, reforçando a importância dos PPP e que os mesmos sejam constantemente atualizados, aprofundando coesamente a SSAN em seus componentes curriculares.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Gabriel Cunha Beato, Universidade Estadual Paulista

Doutor pelo Programa de Pós-Graduação em Alimentos e Nutrição.

Najla de Oliveira Cardozo, Universidade Estadual Paulista

Doutoranda no Programa de Pós-Graduação em Enfermagem.

Regina María Popelka, Universidade Estadual Paulista

Mestranda no Programa de Pós-Graduação em Enfermagem.

Maria Rita Marques de Oliveira, Universidade Estadual Paulista

Docente do Departamento de Ciências Humanas e Ciências da Nutrição e Alimentação.

Referências

ALVES, C. G. L.; MARTINEZ, M. R. Lacunas entre a formação do nutricionista e o perfil de competências para atuação no Sistema Único de Saúde (SUS). Interface – Comunicação, Saúde, Educação, Botucatu, v. 20, n.56, p.159-69, 2016. DOI: 10.1590/1807-57622014.1336. Disponível em: https://www.scielo.br/j/icse/a/znYJDxQJfg6VdYvRtMcRCJp/abstract/?lang=pt. Acesso em: 15 jul. 2023.

BEATO, G. C.; CARRIZO, L. A. D. V.; OLIVEIRA, M. R. M. de. Concepções e reflexões de membros da comunidade acadêmica da Universidad Nacional de Córdoba sobre a soberania e segurança alimentar no currículo de nutrição: relato de uma visita acadêmica. Revista Internacional de Educação Superior, Campinas, v. 9, n. 00, p. e023017, 2022. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/riesup/article/view/8663953. Acesso em: 13 set. 2023.

BRASIL. Ministério da Educação. Conselho Nacional de Educação. Institui diretrizes curriculares nacionais do curso de graduação em nutrição. Resolução CNE/CES 5, de 7 de novembro de 2001. Diário Oficial da União: Brasília, DF, Seção 1, p. 39, 2001.

BRASIL. Ministério da Educação. Conselho Nacional de Educação. Resolução 704, de 20 de outubro de 2022. Aprova as contribuições do Conselho Nacional de Saúde à proposta de Diretrizes Curriculares Nacionais do Curso de Graduação em Nutrição. Diário Oficial da União: Brasília, DF, seção 1, 2022.

BRASIL. Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome. Marco de referência de educação alimentar e nutricional para as políticas públicas. Brasília, DF: MDS; Secretaria Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional, 2012.

BRASIL. Ministério da Educação. Conselho Nacional de Educação. Câmara de Educação Superior. Resolução CNE/CES nº 7, de 18 de dezembro de 2018. Estabelece as Diretrizes para a Extensão na Educação Superior Brasileira e regimenta o disposto na Meta 12.7 da Lei no 13.005/2014, que aprova o Plano Nacional de Educação – PNE 2014-2024 e dá outras providências. Diário Oficial da União: Brasília, DF, 2018a.

BRASIL. Conselho Federal de Nutricionistas (CFN). Resolução CFN no 599, de 25 de fevereiro de 2018. Aprova o Código de Ética e Conduta do Nutricionista e dá outras providências. Diário Oficial da União: Brasília, n. 64, p.182, 2018b.

CAMPESINA, V. Declaração da Via Campesina, Tlaxcala, 1996.

CINI, R.; ROSANELI, C.; CUNHA, T. Soberania alimentar na interseção entre bioética e direitos humanos: uma revisão integrativa da literatura. Revista de Bioética y Derecho, Barcelona, v.42, n.1, p.51-69, 2018. Disponível em: https://scielo.isciii.es/scielo.php?pid=S188658872018000100005&script=sci_abstract&tlng=pt. Acesso em: 15 jul. 2023.

COSTA, N. M. S. C. Revisitando os estudos e eventos sobre a formação do nutricionista no Brasil. Revistas de Nutrição, Campinas, v. 12, n. 1, p. 5–19, 1999. DOI: 10.1590/S1415-52731999000100001. Disponível em: https://www.scielo.br/j/rn/a/xy7Q4cnBSB93qYZjrWRRYjN/. Acesso em: 15 jul. 2023.

COSTA, S. S.; ZANCUL, M. S. Competências curriculares para o letramento científico em saúde: potencialidades e limitações em uma Instituição Federal de Educação Profissional. Temas em Educação e Saúde, Araraquara, v. 16, n. 2, p. 607–620, 2020. DOI: 10.26673/tes.v16i2.14095. Disponível em: https://periodicos.fclar.unesp.br/tes/article/view/14095. Acesso em: 15 jul. 2023.

FAKHRI, M. Informe provisional del Relator Especial sobre el derecho a la alimentación. Michael Fakhri. ONU. A/76/237. 2021.

FIDALGO, H. S. La pandemia del coronavirus: una reflexión crítica sobre los patrones alimentarios corporativos. En: Red Mundial por el Derecho a la Alimentación y a la Nutrición. Observatorio del derecho a la alimentación y a la nutrición. 2020. Disponível em: https://www.righttofoodandnutrition.org/files/rtfn_watch12-2020_esp.pdf. Acesso em: 06 mar. 2023.

FOOD AND AGRICULTURE ORGANIZATION (FAO). Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS). Visão geral da segurança alimentar e nutricional na América Latina e no Caribe. Santiago do Chile: FAO; 2017.

FONSECA, A. B. C.; FROZI, D. S. Social and Natural Sciences in Nutrition: studying the opinion of undergraduates from Brazil and Spain. Revista de Alimentação e cultura das Américas, Brasília, v. 1, n. 1, p. 28-45, 2019. Disponível em: https://www.arca.fiocruz.br/handle/icict/41317. Acesso em: 15 jul. 2023.

FONTOLAN, M. V.; FERRAREZE, R. B.; SIGNOR, A.; LIMA, R. S. ODS 2: fome zero e agricultura sustentável no contexto rural. Segurança Alimentar e Nutricional, Campinas, v. 29, n. 00, p. e022004, 2022. DOI: 10.20396/san.v29i00.8665666. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/san/article/view/8665666. Acesso em: 8 ago. 2023.

FREIRE, P. Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática educativa. São Paulo: Paz e Terra, 1997.

GORDILLO, O. M. Seguridad y Soberanía Alimentaria. Documento Base para la discusión. Organización de las Naciones Unidas para la Alimentación. 2013.

HLPE, 2017. A report by the High Level Panel of Experts on Food Security and Nutrition of the Committee on World Food Security. Rome 2017. Disponível em: www.fao.org/cfs/cfs-hlpe. Acesso em: 3 jul. 2023.

HLPE. Food Security and Nutrition: Building a Global Narrative towards 2030. Research Guides, 2020.

HOYOS, C. J. C.; D’AGOSTINI, A. Segurança Alimentar e Soberania Alimentar: convergências e divergências. Revista NERA, Presidente Prudente, v. 20, n. 35, p. 174–98, 2017. DOI: 10.47946/rnera.v0i35.4855. Disponível em: https://revista.fct.unesp.br/index.php/nera/article/view/4855. Acesso em: 15 jul. 2023.

JACOB, M.; ARAÚJO, F. Desenvolvimento de competências para Nutrição no contexto de Sistemas Alimentares Sustentáveis. Ciência e Saúde Coletiva, Rio de Janeiro, v. 25, n. 11, 2020. DOI: 10.1590/1413-812320202511.31652018. Disponível em: https://www.scielo.br/j/csc/a/5RhPkyFBFGRfbSyddMsgL7D/. Acesso em: 15 jul. 2023.

KING, R. The Utility of Pragmatism in Educational Research. Creative Education, China, v. 13, n. 1, p. 3153-61, 2022. DOI: 10.4236/ce.2022.1310199. Disponível em: https://www.scirp.org/journal/paperinformation?paperid=120321. Acesso em: 15 jul. 2023.

LISBOA, C. M. P.; FONSECA, A. B. Abordagem de segurança alimentar nutricional nos currículos das universidades federais brasileiras: principais enfoques. Saúde e Sociedade, Alagoas, v. 29, n. 3, p. 1–13, 2020. DOI: 10.1590/S0104-12902020190570. Disponível em: https://www.scielo.br/j/sausoc/a/8D4byGLvQVfWZPQSKvgCpFR/. Acesso em: 15 jul. 2023.

LIZARRAGA, P.; PEREIRA, J. F. Atlas de los Sistemas Alimentarios del Cono Sur. 1.ed. Ciudad Autónoma de Buenos Aires: Fundación Rosa Luxemburgo, 2022. Disponível em: https://mpabrasil.org.br/wp-content/uploads/2022/07/e-Atlas_individuales.pdf. Acesso em: 02 jul. 2023.

MORIN, E. O paradigma perdido: a natureza humana. 5. ed. Mens Martins: Europa-América, 1991.

NAVA-GONZÁLEZ, E. J.; APOLINAR-JIMÉNEZ, E.; BÉNITEZ-BRITO, N.; PÉREZ-ARMIJO, P.; PÉREZ-LÓPEZ, A.; TRONCOSO-PANTOJA, C.; BONILLA, D. A.; FERNÁNDEZ-VILLA, T.; PETERMANN-ROCHA, F.; GAMERO, A.; PÉREZ-ESTEVE, Édgar; NAVARRETE-MUÑOZ, E. M.; LOZANO-LORCA, M.; ALMENDRA-PEGUEROS, R. Formación del dietista-nutricionista clínico en Latinoamérica: un espejo donde debe mirarse España. Revista Española de Nutrición Humana y Dietética, [S. l.], v. 27, n. 2, p. 93–96, 2023. DOI: 10.14306/renhyd.27.2.1957. Disponível em: https://renhyd.org/renhyd/article/view/1957. Acesso em: 25 jul. 2023.

NEVES, J.; SOUSA, A. A.; VASCONCELOS, F. A. G. Formação em nutrição em saúde coletiva na Universidade Federal de Santa Catarina: reflexões sobre o processo de ensino para fortalecer o Sistema Único de Saúde. Revista de Nutrição, Campinas, v.27, n.6, p.761-773, 2014. DOI: 10.1590/1415-52732014000600010. Disponível em: https://www.scielo.br/j/rn/a/Ns3Rp4yZ4mnmbpLqTyJyL7z/abstract/?lang=pt#. Acesso em: 15 jul. 2023.

OLIVEIRA, A. R. P.; RECINE, R.; ALENCAR, B.; FAGUNDES, A. A.; SOUSA, J. S.; MONTEIRO, R. A.; TORAL, N. Percepção de professores e estudantes em relação ao perfil de formação do nutricionista em saúde pública. Revista de Nutrição, Campinas, v. 25, n. 5, p. 631–43, 2012. DOI: 10.1590/S1415-52732012000500008. Disponível em: https://www.scielo.br/j/rn/a/fr8DjZHJM9HQ3ZhBdMhS9Jc/#. Acesso em: 15 jul. 2023.

ORGANIZAÇÃO DAS NAÇÕES UNIDAS (ONU). Comentário Geral número 12: O direito humano à alimentação (art.11). 1 Comitê de Direitos Econômicos, Sociais e Culturais do Alto Comissariado de Direitos Humanos, 1999.

ORGANIZAÇÃO DAS NAÇÕES UNIDAS (ONU). Objetivos de Desenvolvimento Sustentável. Nações Unidas no Brasil, 2020. Disponível em: https://brasil.un.org/pt-br. Acesso em: 15 jul. 2023.

ORGANIZACIÓN DE LAS NACIONES UNIDAS PARA LA EDUCACIÓN, LA CIENCIA Y LA CULTURA. Instituto Internacional para la Educación Superior en América Latina y el Caribe. Declaración de la Conferencia Regional de la Educación Superior en América Latina y el caribe. Colômbia: UNESCO IESCALC, 2008. Disponível em: http://www.cres2018.unc.edu.ar/uploads/Declaracio%CC%81n%20CRES%202008.pdf. Acesso em: 15 jul. 2023.

ORGANIZACIÓN DE LAS NACIONES UNIDAS PARA LA EDUCACIÓN, LA CIENCIA Y LA CULTURA. Instituto Internacional para la Educación Superior en América Latina y el Caribe. Declaración Final de la III Conferencia Regional de Educación Superior en América Latina y el Caribe. Argentina: UNESCO IESCALC, 2018. Disponível em: http://www.cres2018.unc.edu.ar/uploads/Declaracion2018-Esp-CRES.pdf. Acesso em: 01 de fev. 2023.

PIAGET, J. Psicologia e pedagogia. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 1970.

POLKINGHORNE, D. E. Narrative configuration in qualitative analysis. Qualitative Studies in Education, v. 8, n. 1, p. 5-23, 1995. DOI: 10.1080/0951839950080103. Disponível em: https://www.tandfonline.com/doi/abs/10.1080/0951839950080103. Acesso em: 15 jul. 2023.

PROGRAMA DE LAS NACIONES UNIDAS PARA EL DESARROLLO (PNUD). Transformar nuestro mundo: La agenda 2030 para el desarrollo sostenible. 2015. Disponível em: http://www.ar.undp.org/content/dam/argentina/Publications/Agenda2030/PNUDArgent-DossierODS.pdf. Acesso em: 05 jul. 2023.

RECINE, E.; GOMES, R. C. F.; FAGUNDES, A. A.; PINHEIRO, A. R. O.; TEIXEIRA, B. A.; SOUSA, J. S.; TORAL, N.; MONTEIRO, R. A. A formação em saúde pública nos cursos de graduação de nutrição no Brasil. Revista de Nutrição, Campinas, v. 25, n. 1, p. 21-33, 2012. DOI: 10.1590/S1415-52732012000100003. Disponível em: https://www.scielo.br/j/rn/a/YmJcNhHgHbwXyvYfmSQM96s/abstract/?lang=pt. Acesso em: 15 jul. 2023.

RECINE, E.; SUGAI, A.; MONTEIRO, R. A.; RIZZOLO, A.; FAGUNDES, A. Saúde coletiva nos cursos de nutrição: Análise de projetos político-pedagógicos e planos de ensino. Revista de Nutrição, Campinas, v. 27, n. 6, p. 747–60, 2014. DOI: 10.1590/1415-52732014000600009. Disponível em: https://www.scielo.br/j/rn/a/wJ8PWkfdBYJZdGNVk4gkrgb/abstract/?lang=pt. Acesso em: 15 jul. 2023.

REIMERS, F. Diálogos por un Nuevo Contrato Social para la Educación. Informe Comisión Internacional Sobre los Futuros de la Educación. 2021.

SANTOS, B. S. Para uma Pedagogia do Conflito. In: SILVA, L. H. (org.). Novos mapas culturais, novas perspectivas educacionais Porto Alegre: Sulina, 1996.

SOARES, N. T.; AGUIAR, A. C. Diretrizes curriculares nacionais para os cursos de nutrição: avanços, lacunas, ambiguidades e perspectivas. Revista de Nutrição, Campinas, v. 23, n. 5, p. 895–905, 2010. DOI: 10.1590/S1415-52732010000500019. Disponível em: https://www.scielo.br/j/rn/a/HSzk7z5WtNZdYVpKmSzyw3B/abstract/?lang=pt. Acesso em: 15 jul. 2023.

SOUSA, L. R. M.; DITTERICH, R. G.; MLGAR-QUIÑONEZ, H. A pandemia de Covid-19 e seus entrelaçamentos com desigualdade de gênero, insegurança alimentar e apoio social na América Latina. Interface – Comunicação, Saúde, Educação, Botucatu, v. 25, p. e200651, 2021. DOI: 10.1590/interface.200651. Disponível em: https://www.scielo.br/j/icse/a/3XSRvG5ksSn6PR9KpjCtsjR/. Acesso em: 15 jul. 2023.

SWINBURN, B. A.; KRAAK, V.; ALLENDER, S.; ATKINS, V.; BAKER, P.; BOGARD, J.; BRINSDEN, H.; CALVILLO, A.; SCHUTTER, O.; DEVARAJAN, R.; EZZATI, M.; FRIEL, S.; GOENKA, S.; HAMMOND, R.; HASTINGS, G.; HAWKES, C. HERRERO, M.; HOVMAND, P. S.; HOWDEN, M.; JAACKS, L. M.; KAPETANAKI, A. B.; KASMAN, M.; KUHNLEIN, H. V.; KUMANYIKA, S. K.; LARIJANI, B. LOBSTEIN, T.; LONG, M. W.; MATSUDO, V. K. R.; MILLS, S. D. H.; MORGAN, G.; MORSHED, A.; NECE, P. M.; PAN, A.; PETTERSON, W.; SACKS, G.; SHEKAR, M.; SIMMONS, G. L.; SMIT, W.; TOOTEE, A.; VANDEVIJVERE, S.; WATERLANDER, W. E.; WOLFENDEN, L.; DIETZ, W. H. The Global Syndemic of Obesity, Undernutrition, and Climate Change: The Lancet Commission report. The Lancet, London, v. 393, n. 10173, p. 791–846, 2019. Disponível em: https://www.thelancet.com/journals/lancet/article/PIIS0140-6736(18)32822-8/fulltext. Acesso em: 15 jul. 2023.

TASHAKKORI, A.; NEWMAN, I. Mixed Methods. International Encyclopedia of Education, Florida, v. 30, n. 1, p. 514-20, 2010. Disponível em: https://www.sciencedirect.com/topics/psychology/mixed-methods. Acesso em: 15 jul. 2023.

TIMES-HIGHER-EDUCATION. Latin America University Rankings 2018 [Internet]. London: Quacquarelli Symonds; 2018. Disponível em: https://www.timeshighereducation.com/world- university-rankings/2018/latin-america-university- rankings#!/page/0/length/25/sort_by/rank/sort_order/asc/cols/undefined. Acesso em: 08 jun. 2023.

TOLOZA, D.C. Nutricionista: um histórico da profissão até os dias atuais. Universidade de Brasília, 2003.

UNIÓN DE UNIVERSIDADES DE AMÉRICA LATINA Y EL CARIBE. Conferencia Mundial de Educación Superior 2022 (WHEC2022), Reformular los ideales y prácticas de la Educación Superior para asegurar el desarrollo sostenible del planeta y de la humanidad. UDUAL, 2022. Disponível em: https://www.udual.org/principal/wp-content/uploads/2022/02/UDUAL-Barcelona-febrero-final.pdf. Acesso em: 08 mar. 2023.

VASCONCELOS, A. G. F.; BRICARELLO, L. P.; COSTA, N. M. S. C.; MORAES, B. A.; AKUTSU, R. C. C. A. The 80-year history of the professional associations of nutritionists in Brazil: A historical-documentary analysis. Revista de Nutrição, Campinas. v..32, n. 1, p. e180160, 2019. DOI: 10.1590/1678-9865201932e180160. Disponível em: https://www.scielo.br/j/rn/a/SNwcCPMDLPryJQ5NLZgnS9P/#. Acesso em: 15 jul. 2023.

VIEIRA, V. L.; LEITE, C.; CERVATO-MANCUSO, A. M. Formação superior em saúde e demandas educacionais atuais: O exemplo da graduação em Nutrição. Educação, Sociedade e Culturas, Porto, v. 39, n. 1, p. 25–42, 2013. DOI: 10.34626/esc.vi39.312. Disponível em: https://ojs.up.pt/index.php/esc-ciie/article/view/312. Acesso em: 15 jul. 2023.

VIEIRA, V.L.; CERVATO-MANCUSO, A. M. Professional training in the context of food and nutrition security. Primary Health Care Research and Development. England, v.16, n. 5, p. 540–4, 2015. Disponível em: https://www.cambridge.org/core/journals/primary-health-care-research-and-development/article/professional-training-in-the-context-of-food-and-nutrition-security/7C7C13E81BC65E86DF0B45D151A3C4A8. Acesso em: 15 jul. 2023.

WANDEN-BERGHE, C.; VICTORIA, E. M.; VALERO, J. S.; CASTELLO, I. La formación en nutrición en Iberoamérica. Nutrición Hospitalaria, Madrid, v. 3, n. 3, p. 80–86, 2010. Disponível em: https://scielo.isciii.es/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0212-16112010000900011. Acesso em: 15 jul. 2023.

Publicado

30/12/2023

Como Citar

BEATO, G. C.; CARDOZO, N. de O.; POPELKA, R. M.; OLIVEIRA, M. R. M. de. Soberania e Segurança Alimentar e Nutricional na formação do nutricionista: Um olhar sobre documentos curriculares latino-americanos. Temas em Educação e Saúde , Araraquara, v. 19, n. 00, p. e023017, 2023. DOI: 10.26673/tes.v19i00.18850. Disponível em: https://periodicos.fclar.unesp.br/tes/article/view/18850. Acesso em: 14 jun. 2024.

Edição

Seção

Artigos - Áreas da Educação e Saúde

Artigos Semelhantes

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.