A educação para o mercado de trabalho formando indivíduos alienados

Katherine Cortiana Fagundes

Resumo


Este trabalho tem por objetivo contemplar as propostas educacionais contidas no Plano de Desenvolvimento da Educação em relação ao ensino profissionalizante, para tanto, achei conveniente fazer, em um primeiro momento, uma breve exposição da situação econômica, política e social dos países capitalistas, tendo em vista, ser a educação moldada segundo as concepções ideológicas que estão pairando em determinado momento histórico. Na segunda parte do trabalho, fiz uma breve retrospectiva histórica, discorrendo sobre o momento em que se deu a adoção do ensino profissionalizante no Brasil. Em seguida, disserto sobre as diretrizes propostas pela LDB 9394/96, lei no 9.394, de 20 de dezembro de 1996, enfatizando que tais medidas ganham espaço a partir da construção do PDE. Para a elaboração deste trabalho utilizei os escritos de ALTVALTER, ANDERSON, AFONSO, AZEVEDO, BORÓN, CHESNAIS, FERRETTI, GENTILI, KRAWCZYC, MÉSZÁROS, OFFE, ROSAR, SANTOS e VALENTE.

Palavras-chave


Neoliberalismo; Ensino Profissionalizante; PDE;

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22633/rpge.v0i9.9277



Rev. on line de Política e Gestão Educacional, Araraquara, SP, Brasil, e-ISSN: 1519-9029

DOI prefix: 10.22633/rpge

Licença Creative Commons 

Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.