TICs na aprendizagem sob a perspectiva sociointeracionista

Autores

DOI:

https://doi.org/10.22633/rpge.v22.n2.maio/ago.2018.11173

Palavras-chave:

Educação, Aprendizagem, Tecnologia da informação e comunicação, Sociedade do conhecimento e da aprendizagem, Abordagem sociointeracionista

Resumo

Este artigo discute o papel das Tecnologias da Informação e Comunicação (TICs) na aprendizagem, à luz da abordagem sociointeracionista. Para tanto, aborda a aprendizagem sob a perspectiva da teoria de Vygotsky, abrangendo alguns de seus conceitos-chave, o atual contexto social no qual a educação e o indivíduo encontram-se inseridos e o uso recursos tecnológicos na educação e no processo de aprendizagem. Desse modo, situa as novas tecnologias como importantes instrumentos de mediação empregados na interação do indivíduo com o meio, no contexto da sociedade da aprendizagem e do conhecimento.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Rodrigo Hipólito Roza, Pontifícia Universidade Católica de Campinas

Professor do Centro de Economia e Administração (CEA) da Pontifícia Universidade Católica de Campinas (PUC-Campinas). Doutor em Psicologia, Mestre em Ciência da Informação e Bacharel em Ciência da Computação.

Referências

BOCK, A. M. B.; FURTADO, O.; TEIXEIRA, M. L. T. Psicologias: uma introdução ao estudo da psicologia. São Paulo: Saraiva, 2001.

CASTELLS, M. A Sociedade em Rede: do Conhecimento à Política. In: CASTELLS, M.; CARDOSO, G. (Orgs.). A Sociedade em Rede: Do Conhecimento à Acção Política. Lisboa: Imprensa Nacional – Casa da Moeda, 2005.

CASTELLS, M. The rise of the network society: The information age: Economy, society, and culture. Oxford: Wiley-Blackwell., 2010.

COLL, C.; MONEREO, C. Psicologia da Educação Virtual: aprender e ensinar com as tecnologias da informação e da comunicação. Porto Alegre: Artmed, 2010.

COUTINHO, C. P.; LISBÔA, E. S. Sociedade da informação, do conhecimento e da aprendizagem: desafios para educação no século XXI. Revista de Educação, v. 18, n. 1, p. 5-22, 2011.

LASTRES, H. M. M. Informação e conhecimento na nova ordem mundial. Ciência da Informação, v. 28, n. 1, 1999.

LE COADIC, Y. A Ciência da Informação. Brasília: Briquet de Lemos, 1996.

LÉVY, P. As Tecnologias da Inteligência: o futuro do pensamento na Era da Informática. Rio de Janeiro: Editora 34, 1993.

MEIRELLES, F. S. Informática: novas aplicações com microcomputadores. 2. ed. São Paulo: Makron Books, 1994.

MIRANDA, M. I. Conceitos centrais da teoria de Vygotsky e a prática pedagógica. Ensino em Re-Vista, v. 13, n. 1, p. 7-28, 2005.

POZO, J. I. A sociedade da aprendizagem e o desafio de converter informação em conhecimento. Pátio: Revista Pedagógica, n. 31, p. 8-11, 2004.

RANGEL, A. P. Psicologia da Educação: Teorias de Aprendizagem. Porto Alegre: Editora da UFRGS, 2004.

REGO, T. C. Vygotsky: uma perspectiva histórico-cultural da educação. Petrópolis: Editora Vozes, 2012.

RICHIT, A. Implicações da Teoria de Vygotsky aos Processos de Aprendizagem e Desenvolvimento em Ambientes Mediados pelo Computador. Revista Perspectiva, v. 28, n. 103, p. 21-32, 2004.

ROZA, R. H.; WECHSLER, S. M. O uso das tecnologias da informação e comunicação por estudantes universitários de Administração. Competência – Revista da Educação Superior do Senac-RS, v. 10, n. 2, p. 1-7, 2017.

ROZA, R. H. Revolução informacional e os avanços tecnológicos da informática e das telecomunicações. Ciência da Informação em Revista, v. 4, n. 3, p. 03-11, 2017.

SILVA, E. L.; CAFÉ, L.; CATAPAN, A. H. Os objetos educacionais, os metadados e os repositórios na sociedade da informação. Ciência da Informação, v. 39, n. 3, p. 93-104, 2010.

SOUZA, V. L. T.; ANDRADA, P. C. Contribuições de Vigotski para a compreensão do psiquismo. Estudos de Psicologia (Campinas), v. 30, n. 3, p. 355-365, 2013.

SUAIDEN, E.; LEITE, C. Dimensão social do conhecimento. In: TARAPANOFF, K. (Org.). Inteligência, informação e conhecimento. Brasília: Unesco; Ibict, p. 99-114, 2006. Disponível em: http://livroaberto.ibict.br/handle/1/465. Acesso em: 07 jan. 2017.

STEVENSON COMMITTEE. Information and communications technology in UK schools: An independent enquiry (The Stevenson Report). 1997.

VYGOTSKI, L. S. A formação social da mente. São Paulo: Martins Fontes, 1991.

VYGOTSKY, L. S. Pensamento e linguagem. eBooksBrasil, 2001. Disponível em: http://www.ebooksbrasil.org/adobeebook/vigo.pdf. Acesso em: 27 fev. 2018.

Downloads

Publicado

02/05/2018

Como Citar

ROZA, R. H. TICs na aprendizagem sob a perspectiva sociointeracionista. Revista on line de Política e Gestão Educacional, Araraquara, p. 498–506, 2018. DOI: 10.22633/rpge.v22.n2.maio/ago.2018.11173. Disponível em: https://periodicos.fclar.unesp.br/rpge/article/view/11173. Acesso em: 8 fev. 2023.

Edição

Seção

Artigos