Globalização, identidade contemporânea e políticas públicas

Maria Verônica Pascucci

Resumo


Cientes de que qualquer política de educação deverá ser compreendida na sua relação com o contexto mundial abordamos, primeiramente, a temática do homem contemporâneo e a sua nova identidade, surgida como conseqüência do fenômeno da globalização à luz dos pensadores Stuart Hall e Hassan Zaoual. Num segundo momento analisamos o caminho percorrido pelo Banco Mundial no que diz respeito à elaboração de programas de desenvolvimento e suas implicações na área das Políticas Públicas para a Educação.


Palavras-chave


Globalização; Identidade; Sítios Simbólicos de Pertencimento; Políticas do Banco Mundial;

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22633/rpge.v0i6.9251



Rev. on line de Política e Gestão Educacional, Araraquara, SP, Brasil, e-ISSN: 1519-9029

DOI prefix: 10.22633/rpge

Licença Creative Commons 

Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.