As contribuições de Anatoli Vassilievitch Lunatcharski para a educação brasileira na atualidade

Autores

DOI:

https://doi.org/10.21723/riaee.v16i3.15414

Palavras-chave:

Lunatcharski, Ciência da história, Formação de professores

Resumo

Este texto apresenta as contribuições das proposições do intelectual russo Anatoli Vassilievitch Lunatcharski (1875-1933) para a Educação brasileira na atualidade. Nesta elaboração, de cunho bibliográfico, nos fundamentamos nos pressupostos da Ciência da História, que evidencia a relevância de atentarmo-nos à especificidade da temática em questão e estabelecer como necessidade considerar a dinâmica da sociedade capitalista na atualidade, assim como as relações econômicas e políticas, as quais são indissociáveis das questões educacionais. Realizamos um levantamento bibliográfico, sobretudo, da produção acadêmica afeta ao intelectual no período compreendido entre 2007 e 2017, discorremos sobre os princípios da escola soviética e a proposta de Educação defendida por Lunatcharski. Consideramos fundamental a formação de professores, inicial ou contínua, amparada nos clássicos. Por meio dos estudos contínuos é possível planejarmos e reconduzirmos as intervenções pedagógicas, que podem favorecer a aprendizagem e o desenvolvimento intelectual dos estudantes, em favor de uma Educação humanizadora.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Marta Chaves, Universidade Estadual de Maringá (UEM), Maringá – PR

Professora Associada do Departamento de Teoria e Prática da Educação e Coordenadora do Curso de Pedagogia. Doutorado em Educação (UFPR).

Paula Gonçalves Felicio, Universidade Estadual de Maringá (UEM), Maringá – PR

Doutoranda no Programa de Pós-Graduação em Educação (PPE/UEM).

Jani Alves da Silva Moreira, Universidade Estadual de Maringá (UEM), Maringá – PR

Professora Adjunta do Departamento de Teoria e Prática da Educação e do Programa de Pós-Graduação em Educação (PPE/UEM). Doutorado em Educação (UEM).

Referências

ANTUNES, R. Da educação utilitária fordista à multifuncionalidade liofilizada. In: REUNIÃO NACIONAL DA ANPED, 38., 2017, São Luís do Maranhão. Anais [...]. São Luís do Maranhão: UFMA, 2017. p. 1-15. Disponível em: http://38reuniao.anped. org.br/sites/default/files/resources/programacao/trabalhoencom_38anped_2017_gt11_textoricardoantunes.pdf. Acesso em: 08 maio 2021.

ANTUNES, R. Século XXI: nova era da precarização estrutural do trabalho? In: ANTUNES, R.; BRAGA, R. (org.). Infoproletários: degradação real do trabalho virtual. São Paulo: Boitempo, 2009. p. 231-238.

ARENDT, H. Homens em tempos sombrios. Trad. Denise Bottmann. São Paulo: Companhia das Letras, 2008.

BRASIL. Ministério da Educação. Base Nacional Comum Curricular. Educação é a Base. Brasília, DF: MEC, 2017. Disponível em: http://basenacionalcomum.mec.gov.br/wp-content/uploads/2018/04/BNCC_19mar2018_versaofinal.pdf. Acesso em: 08 maio 2021.

CAPRILES, R. Makarenko: o nascimento da pedagogia socialista. São Paulo: Scipione, 1989.

CHAVES, M. A formação e a educação da criança pequena: os estudos de Vigotski sobre a arte e suas contribuições às práticas pedagógicas para as instituições de Educação Infantil. Araraquara, 2011. 72 f. Trabalho de Pós-Doutoramento – Faculdade de Ciências e Letras, Universidade Estadual Paulista, Araraquara, 2011.

CHAVES, M. Formação contínua e práticas educativas: possibilidades humanizadoras. In: CAÇÃO, M. I.; MELLO, S. A.; SILVA, V. P. (org.). Educação e desenvolvimento humano: contribuições da abordagem histórico-cultural para a educação escolar. Jundiaí: Paço Editorial, 2014. p. 119-139.

CHAVES, M. Krupskaya: uma pedagoga revolucionária. 2018. 21 p. Digitado.

DNEPROV, E. D. Comentários. In: LUNATCHARKI, A. V. Artigos e discursos sobre a instrução e a educação. Trad. Filipe Guerra. Moscovo: Edições Progresso, 1988. p. 246-299.

FAUSTINO, R. C. Política educacional nos anos de 1990: o multiculturalismo e a interculturalidade na educação escolar indígena. 2006. 334 f. Tese (Doutorado em Educação) – Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, 2006.

FELICIO, P. G. Anatoli Vassilievitch Lunatcharski: a educação na Rússia Revolucionária (1917-1929). Orientadora: Profa. Dra. Marta Chaves. 2018. 173 f. Dissertação (Mestrado em Educação) – Universidade Estadual de Maringá, Maringá, 2018.

FISCHER, L. A vida de Lênin. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1967.

FITZPATRICK, S. A Revolução Russa. Trad. José Geraldo Couto. São Paulo: Todavia, 2017.

FITZPATRICK, S. Lunacharski y la organización soviética de la educación y de las artes (1917-1921). Trad. Antonio J. Desmonts. Madrid, Espanha: Siglo XXI de España Editores, 1977.

FREITAS, L. C. Prefácio. In: KRUPSKAYA, N. K. A construção da pedagogia socialista: escritos selecionados. Trad. Natalya Pavlova e Luiz Carlos de Fretas. São Paulo: Expressão Popular, 2017. p. 7-18.

FREITAS, L. C.; CALDART, R. S. Notas. In: KRUPSKAYA, N. K. A construção da pedagogia socialista: escritos selecionados. Trad. Natalya Pavlova e Luiz Carlos de Freitas. São Paulo: Expressão Popular, 2017. p. 267-273.

GOMIDE, B. B. (org.). Escritos de outubro: os intelectuais e a revolução russa, 1917-1924. São Paulo: Boitempo, 2017.

HAUPT, G.; MARIE, J-J. Los bolcheviques. Trad. Manuel de la Escalera. Cuidad de México: Ediciones Era, 1972.

HOBSBAWM, E. Era dos extremos: o breve século XX: 1914-1991. Trad. Marcos Santarrita. São Paulo: Companhia das Letras, 2011.

KOSIK, K. Dialética do concreto. Trad. Célia Neves e Alderico Toríbio. São Paulo: Paz e Terra, 1976.

KRUPSKAIA, N. K. Acerca de la educación comunista: articulos y discursos. Trad. V. Sanchez Esteban. Moscú: Ediciones em Lenguas Estranjeras (19--).

LÊNIN, V. I. Cultura e revolução cultural. Trad. Lincoln Borges Jr. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1968.

LOMBARDI, J. C. A Revolução soviética e a pedagogia histórico-crítica. In: ORSO, P. J.; MALANCHEN, J.; CASTANHA, A. P. (org.). Pedagogia histórico-crítica, educação e revolução: 100 anos da revolução russa. Campinas: Armazém do Ipê, 2017. p. 73-100.

LUNACHARSKY, A. V. On literature and art. Trad. Ganushkin. Moscow: Progress Publishers, 1965.

LUNACHARSKY. A. V. Sobre la literatura y el arte. Trad. Ariel Bignami. Buenos Aires, Argentina: Axioma Editorial, 1974.

LUNATCHARSKY, A. V. As artes plásticas e a política na URSS. Trad. João Paulo Borges Coelho. Lisboa, Portugal: Editorial Estampa, 1975.

LUNATCHARKI, A. V. Artigos e discursos sobre a instrução e a educação. Trad. Filipe Guerra. Moscovo: Edições Progresso, 1988.

LUNATCHÁRSKI, A. V. Revolução, arte e cultura. São Paulo: Expressão Popular, 2018.

MAKARENKO, A. S. Conferências sobre educação infantil. Trad. Maria Aparecida A. Vizzoto. São Paulo: Moraes, 1981.

MANACORDA, M. A. História da educação: da antiguidade aos nossos dias. Trad. Gaetano Lo Monaco. 12. ed. São Paulo: Cortez, 2006.

MARIÁTEGUI, J. C. Revolução Russa: história, política e literatura. Trad. Luiz Bernardo Pericás. São Paulo: Expressão Popular, 2012.

MARX, K; ENGELS, F. A ideologia alemã. São Paulo: Hucitec, 1993.

MORAES, M. C. M. Recuo da teoria: dilemas na pesquisa em educação. Revista Portuguesa de Educação, Braga (Universidade do Minho), v. 14, n. 1, p. 7-25, 2001.

ORSO, P. J.; MALANCHEN, J.; CASTANHA, A. P. (org.). Pedagogia histórico-crítica, educação e revolução: 100 anos da revolução russa. Campinas: Armazém do Ipê, 2017.

PRESTES, Z. R. Quando não é quase a mesma coisa. Trad. Lev Semionovitch Vigotski no Brasil. Campinas, SP: Autores Associados, 2012.

REED, J. Os dez dias que abalaram o mundo: a história da Revolução Russa. Trad. Denise Tavares Gonçalves. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 2017. (Clássicos de Ouro)

SAVIANI, D.; DUARTE, N. A formação humana na perspectiva histórico-ontológica. Revista Brasileira de Educação, Rio de Janeiro, v. 15, n. 45, p. 422-590, set./dez. 2010.

TROTSKI. L. Literatura e Revolução. Trad. Luiz Alberto Moniz Bandeira. Rio de Janeiro: Zahar Editores, 2007.

VIGOTSKI, L. S. Imaginação e criação na infância. Trad. Zoia Prestes. São Paulo: Ática, 2009.

Downloads

Publicado

01/07/2021

Como Citar

CHAVES, M.; FELICIO, P. G.; MOREIRA, J. A. da S. As contribuições de Anatoli Vassilievitch Lunatcharski para a educação brasileira na atualidade. Revista Ibero-Americana de Estudos em Educação, Araraquara, v. 16, n. 3, p. 2133–2147, 2021. DOI: 10.21723/riaee.v16i3.15414. Disponível em: https://periodicos.fclar.unesp.br/iberoamericana/article/view/15414. Acesso em: 25 out. 2021.

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)