Práticas, valores e atitudes dos jovens

Um estudo de caso a partir de alunos da Universidade do Minho

Autores

DOI:

https://doi.org/10.21723/riaee.v17i3.17199

Palavras-chave:

Valores, Juventude, Religiosidade, Pós-modernidade, Globalização

Resumo

Analisar os comportamentos, valores e atitudes da juventude permite que se faça um exame impiedoso sobre o nosso tempo, ajudando a perceber as enredadas raízes da nossa vivência coletiva, pelo que, ao analisar as suas opções, estamos não só a estudar o tempo presente, mas também a vislumbrar o futuro da nossa sociedade. Exposto isto, o presente estudo visa analisar as práticas, valores e atitudes dos jovens de forma a melhor compreender as suas atuais tendências valorativas e religiosas. Através de uma metodologia quantitativa, inqueriu-se estudantes na Universidade do Minho, com idades compreendidas entre os 18 e os 35 anos. Das conclusões depreende-se que os jovens procuram atividades de ocupação mais individualistas e menos sociais, possibilitando-lhes momentos de satisfação pessoal. Quanto à sua dimensão religiosa e valorativa, verificou-se que pouco ou nada participam nos serviços religiosos e que manifestam níveis elevados de justificação para determinados comportamentos, aparentando reagir abertamente a práticas que, normalmente, são desaprovadas pela sociedade. A Proteção do ambiente, o Racismo e a xenofobia e a Violência de género constituem os temas da atualidade que merecem maior preocupação por parte dos jovens universitários.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Sara Madureira, Universidade Católica Portuguesa (UCP), Braga – Portugal

Socióloga.

Eduardo Duque, Universidade Católica Portuguesa (UCP), Braga – Portugal

Professor da Faculdade de Filosofia e Ciências Sociais. Membro Integrado do Centro de Estudos de Comunicação e Sociedade da Universidade do Minho (UM). Doutorado em Sociologia (UCM Espanha).

Durán Vázquez, Universidade de Vigo (UVIGO), Vigo – Espanha

Professor de Sociologia. Doutorado em Sociologia.

Referências

BOURDIEU, P. A “juventude” é apenas uma palavra. In: BOURDIEU, P. Questões de Sociologia. Lisboa: Fim de Século, 2003.

COUTINHO, C. Metodologia de Investigação em Ciências Sociais e Humanas. Coimbra: Almedina, 2014.

DUQUE, E. A deslegitimação dos grandes metarrelatos. In: SILVA LIMA, J. (ed.). Igreja Comunhão. Lisboa: Paulus, 2019.

DUQUE, E. Mudanças culturais mudanças religiosas. Vila Nova de Famalicão: Editora Húmus, 2014.

DUQUE, E. Os Jovens e a Religião na Sociedade Actual: Comportamentos, Crenças, Atitudes e Valores no Distrito de Braga. Braga: Council of Europe, Secretaria de Estado da Juventude, Instituto Português da Juventude, 2007.

DURKHEIM, É. The elementary forms of religious life. New York: Oxford University Press, 2001.

FEATHERSTONE, M. Cultura de consumo y postmodernismo. Buenos Aires: Amorrortu, 2000.

GONÇALVES, M. E. Cidadania na sociedade da informação e do risco: Da análise social à análise dos direitos. In: VIEGAS, J. M. L.; DIAS, E. C. (org.). Cidadania, integração, globalização. Oeiras: Celta, 2000.

HALMAN, L. The European Values Study: A Third Wave: Source Book of the 1999/2000. Tilburg: Tilburg University, 2001.

LIPOVESTKY, G. O crepúsculo do dever: A ética indolor dos novos tempos democráticos. 3. ed. Lisboa: D. Quixote, 2004.

LYOTARD, J-F. A condição Pós-moderna. Lisboa: Gradiva, 1989.

MENÉNDEZ, M. A. Religiosidade e valores em Portugal: Comparação com a Espanha e a Europa católica. Análise Social, v. 42, n. 184, p. 757-787, 2007. Disponível em: https://www.jstor.org/stable/41012507. Acesso em: 23 jun. 2021.

PAIS, J. M. A construção sociológica da juventude - alguns contributos. Análise Social, v. 25, n. 105/106, p. 139-165, 1990. Disponivel em: https://www.jstor.org/stable/41010794. Acesso em: 15 jun. 2021.

RACHELS, J. Elementos de filosofia moral. Lisboa: Gradiva, 2003.

RODRIGUES, M. A. Problemática religiosa em Portugal. Análise Social, v. 16, n. 61/62, p. 407-428, 1980. Disponível em: https://www.jstor.org/stable/41010227. Acesso em: 15 jun. 2021.

WEBER, M. Ensayos sobre metodología sociológica. Buenos Aires: Amorrortu, 1973.

Publicado

01/07/2022

Como Citar

MADUREIRA, S.; DUQUE, E.; VÁZQUEZ, D. Práticas, valores e atitudes dos jovens: Um estudo de caso a partir de alunos da Universidade do Minho. Revista Ibero-Americana de Estudos em Educação, Araraquara, v. 17, n. 3, p. 1994–2023, 2022. DOI: 10.21723/riaee.v17i3.17199. Disponível em: https://periodicos.fclar.unesp.br/iberoamericana/article/view/17199. Acesso em: 4 dez. 2022.

Edição

Seção

Relatos de Pesquisas