Alfabetização no ensino fundamental de nove anos: desempenho dos alunos e suas implicações para as práticas pedagógicas

Maria Regina Guarnieri, Luciene Cerdas Vieira

Resumo


Este trabalho focaliza dados oriundos de discussões realizadas com professoras que atuam nos três primeiros anos do ensino fundamental de nove anos, em duas escolas municipais do interior paulista, com o objetivo de diagnosticar a situação dos alunos em relação à alfabetização. A partir de avaliação aplicada em alunos que frequentam os três anos iniciais nessas escolas, o texto aborda os resultados do desempenho de 153 crianças do 3º ano escolar na alfabetização. Relaciona também os dados dessa avaliação com aspectos que vêm caracterizando as práticas das professoras alfabetizadoras. Inicialmente, apresenta apontamentos sobre o processo de alfabetização no âmbito do ensino fundamental de nove anos e algumas implicações para as práticas das professoras. Em seguida, destaca os resultados da avaliação dos alunos dos 3os anos, indicando capacidades já desenvolvidas por eles na alfabetização e outras a serem consolidadas. Os resultados indicam que essas crianças não se encontram alfabetizadas, revelando defasagens na apropriação de capacidades referentes à leitura e escrita, embora já estejam no 3o. ano escolar. Sugere ainda a necessidade das professoras reorganizarem suas práticas na sala aula e retomar o processo de alfabetização com os alunos, oportunizando a todos que se apropriem plenamente da leitura e da escrita.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.21723/riaee.v4i2.2779



Direitos autorais 2010 Revista Ibero-Americana de Estudos em Educação

 

Rev. Ibero-Americana de Estudos em Educação, Araraquara, SP, Brasil, e-ISSN: 1982-5587

DOI Prefix: 10.21723/riaee

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.