Teoria democrática

Algumas aproximações e considerações para o fazer participativo

Autores

DOI:

https://doi.org/10.22633/rpge.v27i00.18456

Palavras-chave:

Democracia direta, Democracia representativa, Limite, Regramentos, Participação

Resumo

O presente artigo apresenta a concepção de democracia, discutindo sua origem e trajetória até a contemporaneidade. A democracia é entendida como uma forma de governo que possibilita não apenas a tomada de decisões, mas também a elaboração de regras e discussões coletivas envolvendo os representantes eleitos pelo povo, com a participação ativa desses representantes nas decisões e na prevenção de um regime autocrático. São destacados dois tipos de democracia: a democracia direta, na qual a participação em massa ocorre sem a presença de representantes nas discussões e tomadas de decisão, e a democracia representativa, na qual o povo elege seus representantes para decidirem questões que dizem respeito à coletividade. Também são ressaltadas algumas características e limitações da democracia. A democracia pressupõe como ponto central o estabelecimento de regras, uma vez que, sem regras em um processo democrático, a democracia não pode existir ou sobreviver, pelo menos no que se refere ao processo de tomada de decisões e participação.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Pierre André Garcia Pires, Universidade Federal do Acre

Docente Associado I. Centro de Educação Letras e Artes. Doutor em Educação pela UFPR.

Pelegrino Santos Verçosa, Universidade Federal do Acre

Docente Adjunto IV. Centro de Educação Letras e Artes. Doutor em Educação pela UFPR.

Andréa Maria Lopes Dantas, Universidade Federal do Acre

Docente Associada IV. Centro de Educação Letras e Artes. Doutora em Educação pela PUC/SP.

Referências

BOBBIO, N. Democracia. In: MATTEUCCI, N.; PASQUINO G. (org.) Dicionário de política. Brasília, DF: Ed. Universidade de Brasília, 1998. v. 1, p. 319-329.

BOBBIO, N. O futuro da democracia. Tradução: Marco Aurélio Nogueira. São Paulo: Paz e Terra, 2009.

COUTINHO, C. N. Democracia: um conceito em disputa. Fundação Lauro Campos, São Paulo, 2008. Disponível em: https://educacao.mppr.mp.br/arquivos/File/gestao_democratica/kit2/democracia_um_conceito_em_disputa.pdf. Acesso em: 05 fev. 2022.

DAHL, R. A. Sobre a democracia. Brasília, DF: Universidade de Brasília, 2001.

GADEA, C. A.; SCHERER-WARREN, I. A contribuição de Alain Touraine para o debate sobre o sujeito e democracia latino-americanos. Revista de Sociologia e Política, Curitiba, n. 25, p. 29-45, 2005.

PEREIRA, A. K. B. A concepção democrática de Bobbio: uma defesa as regras do jogo. Revista de Estudos de Política, Campina Grande, n. 1, v. 1, p. 53-67, 2012.

SOUZA, A. R. Perfil da gestão escolar no Brasil. 2006. 322 f. Tese (Doutorado em Educação) – Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2006.

TOURAINE, A. O que é democracia. Petrópolis, RJ: Vozes, 1996.

Publicado

11/09/2023

Como Citar

PIRES, P. A. G.; VERÇOSA, P. S.; DANTAS, A. M. L. Teoria democrática: Algumas aproximações e considerações para o fazer participativo . Revista on line de Política e Gestão Educacional, Araraquara, v. 27, n. 00, p. e023053, 2023. DOI: 10.22633/rpge.v27i00.18456. Disponível em: https://periodicos.fclar.unesp.br/rpge/article/view/18456. Acesso em: 17 jun. 2024.