A Educação De Jovens E Adultos pautada na cidadania e na construção do sujeito social: um estudo de caso nas escolas estaduais Professor Nelson Barros e Batista Neves

Autores

DOI:

https://doi.org/10.21723/riaee.v16i2.13604

Palavras-chave:

Educação de jovens e adultos, Cidadania, Socioconstrutivismo, Espaços do cidadão

Resumo

Este artigo disserta sobre a construção do ser social e a formação cidadã dentro da Educação de Jovens e Adultos, em um estudo de caso com alunos do Colégio Estadual Professor Nelson Barros e do Colégio Estadual Batista Neves, ambos em Salvador. É uma pesquisa de abordagem qualitativa que visa analisar em conjunto com as perspectivas vygotskyanas e as contribuições de autores como Bakhtin, Freire e Santos como a EJA impacta nas histórias de vida dessas pessoas e na sua construção social. Os resultados deste estudo demonstraram que, por mais que a EJA desempenhe a ação de reparação do direito à educação para todos, as práticas pedagógicas não obtêm resultados equânimes nas escolas, proporcionando ao aluno o acesso à informação, mas não promovendo entre estes uma abordagem que fomente a cidadania enquanto práxis.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Fábio Pereira de Souza, Universidade do Estado da Bahia (UNEB), Salvador – BA

Mestrando no Programa de Pós-Graduação em Educação de Jovens e Adultos.

Alfredo Eurico Rodrigues Matta, Universidade do Estado da Bahia (UNEB), Salvador – BA

Professor no Programa de Pós-Graduação em Difusão do Conhecimento no Programa de Pós-Graduação em Educação e Contemporaneidades. Doutorado em Educação (UFBA).

Antonio Amorim, Universidade do Estado da Bahia (UNEB), Salvador – BA

Professor Titular Pleno nos cursos de Graduação e de Pós-Graduação. Pós-Doutorado em Difusão do Conhecimento (UNEB).

Referências

BAHIA. CONDER. Companhia de Desenvolvimento Urbano do Estado da Bahia. Painel de informações: dados socioeconômicos do município de Salvador por bairros e prefeituras-bairro /Sistema de Informações Geográficas Urbanas do Estado da Bahia. 5. ed. Salvador: CONDER/INFORMS, 2016. 189 p.

BAKHTIN, M. M.; VOLOSHINOV, V. N. Marxismo e filosofia da linguagem: problemas fundamentais do método sociológico na ciência da linguagem. São Paulo: Editora 34, 2017. 376 p.

BRASIL. Constituição (1988). Constituição da República Federativa do Brasil. Brasília, DF: Senado Federal: Centro Gráfico, 2017. 947 p.

CARTA CAPITAL EDITORIAL (Brasil) (Ed.). “Os trabalhadores querem menos direitos e mais trabalho”, diz Bolsonaro. Carta Capital. São Paulo. 25 out. 2019. Disponível em: https://www.cartacapital.com.br/politica/os-trabalhadores-querem-menos-direitos-e-mais-trabalho-diz-bolsonaro/. Acesso em: 28 dez. 2019.

FLICK, U. Introdução à pesquisa qualitativa. 3. ed. Trad. Joice Elias Costa. Porto Alegre: Artmed, 2017. 408 p.

FREIRE, P. Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática educativa. 1. ed. São Paulo: Paz e Terra, 2019. 144 p.

FREIRE, P. Pedagogia do oprimido. 1. ed. São Paulo: Paz e Terra, 2019. 256 p.

GIL, A. C. Como elaborar projetos de pesquisa. 5. ed. São Paulo: Atlas 2010.

GIL, A. C. Métodos e técnicas de pesquisa social. 7. ed. São Paulo: Atlas, 2019.

HOUAISS, A. Pequeno dicionário Houaiss da língua portuguesa. São Paulo: Moderna, 2015. 1176 p.

MARCONI, M. A.; LAKATOS, E. M. Técnicas de pesquisa: planejamento e execução de pesquisa, amostragens e técnicas de pesquisa, elaboração, análise e interpretação dos dados. 8. ed. São Paulo: Atlas, 2017. 328 p.

MINAYO, M. C.; DESLANDES, S. F.; GOMES, R. (Org.). Pesquisa social: teoria, método e criatividade. 1. ed. Petrópolis: Vozes, 2016. 96 p.

SANTOS, M. A. O espaço do cidadão.7. ed. São Paulo: Edusp, 2014. 176 p.

SÃO PAULO. “A EJA não tem lugar no MEC atualmente”, afirma Sonia Couto. De Olho nos Planos, 2019. Disponível em: http://www.deolhonosplanos.org.br/100-dias-de-bolsonaro-eja/. Acesso em: 20 out. 2019.

TRIVIÑOS, A. N. S. Introdução à pesquisa em ciências sociais: a pesquisa qualitativa em educação. 5. ed. São Paulo: Atlas, 2009. 176 p.

VYGOTSKY, L. S. A formação social da mente. 7. ed. São Paulo: Martins Fontes, 2015. 224 p.

YIN, R. Estudo de caso: planejamento e métodos. 5. ed. Porto Alegre: Bookman, 2014. 320 p.

Downloads

Publicado

01/02/2021

Como Citar

SOUZA, F. P. de; MATTA, A. E. R.; AMORIM, A. A Educação De Jovens E Adultos pautada na cidadania e na construção do sujeito social: um estudo de caso nas escolas estaduais Professor Nelson Barros e Batista Neves. Revista Ibero-Americana de Estudos em Educação, Araraquara, v. 16, n. 2, p. 703–719, 2021. DOI: 10.21723/riaee.v16i2.13604. Disponível em: https://periodicos.fclar.unesp.br/iberoamericana/article/view/13604. Acesso em: 16 jun. 2021.