O desenvolvimento profissional de professores e o uso de casos de ensino

Autores

  • Isa Mara Colombo Scarlati Domingues UFG – Universidade Federal de Goiás. Faculdade de Educação. Jataí – GO – Brasil.

DOI:

https://doi.org/10.21723/riaee.v9i2.7044

Resumo

O presente texto traz o recorte de uma pesquisa que se situa nas discussões sobre a formação de professores e que investigou a aprendizagem e o desenvolvimento profissional de docentes ao fazerem uso de casos de ensino e de métodos de casos, enquanto ferramenta formativa e investigativa propulsora de processos reflexivos sobre os conhecimentos da docência. O processo de pesquisa e intervenção realizou-se por meio do Portal dos Professores – UFSCar, no curso: “Casos de Ensino e Teorização de Práticas Pedagógicas – professores alfabetizadores”, na perspectiva de formação continuada de dezesseis docentes da mesma etapa do Ensino Fundamental I (Anos Iniciais – 1º, 2º e 3º ano), que atuam como alfabetizadoras. A principal fonte de dados, que orientou a organização do artigo, foi uma das atividades realizadas no Módulo II, destinado à análise de casos de ensino, denominada de vídeo-caso. Para realização deste estudo, de abordagem qualitativa, a pesquisa teve como objetivo analisar os processos reflexivos vividos por professoras alfabetizadoras ao fazerem uso dos casos de ensino, em ambiente virtual, enquanto possibilidade formativa e investigativa. Para tanto, foi utilizado um vídeo-caso que retratasse um evento relacionado ao cotidiano de uma professora alfabetizadora. Os resultados alcançados na pesquisa sinalizam a potencialidade dos casos de ensino na/para a aprendizagem e para o desenvolvimento profissional da docência e apontam que é possível evidenciar pontos que merecem destaques e outros que merecem ser repensados para futuros processos formativos e investigativos utilizando a experiência com vídeo-caso.

Downloads

Publicado

13/06/2014

Como Citar

DOMINGUES, I. M. C. S. O desenvolvimento profissional de professores e o uso de casos de ensino. Revista Ibero-Americana de Estudos em Educação, Araraquara, v. 9, n. 2, p. 402–412, 2014. DOI: 10.21723/riaee.v9i2.7044. Disponível em: https://periodicos.fclar.unesp.br/iberoamericana/article/view/7044. Acesso em: 25 fev. 2021.

Edição

Seção

Artigos