Olhares sobre a violência no namoro: um projeto com adolescentes do ensino secundário

Joana Afonso, Filomena Teixeira

Resumo


A violência nas relações de namoro tem vindo a aumentar nos últimos anos, tornando-se relevante a implementação, em contexto escolar, de projetos de intervenção visando a sua prevenção. O principal objetivo do projeto foi diminuir a legitimação de atitudes de violência nas relações de namoro. O recurso à exploração de videoclipes constituiu uma estratégia inovadora nas práticas de prevenção da violência no namoro, permitindo aos e às adolescentes desenvolverem um olhar crítico sobre a informação por eles veiculada. O projeto foi implementado numa escola do distrito de Leiria. Destinou-se a alunos/as do ensino secundário envolvendo pais, mães e encarregados/as de educação. Foram feitas três sessões numa turma de 15 alunos/as do 12º ano que, posteriormente, dinamizaram uma sessão de sensibilização em cada uma das restantes turmas do ensino secundário e outra dirigida a pais, mães e encarregados/as de educação. Para avaliar o impacte das sessões realizadas recorreu-se à análise de fichas de exploração do videoclipe e respetiva letra e à versão portuguesa da Escala de Atitudes Face à Violência no Namoro (EAVN). Registou-se uma diminuição estatisticamente significativa das atitudes legitimadoras de violência nos/as alunos/as sujeitos à intervenção e a maior parte dos e das participantes referiu a relevância deste tipo de ações tendo gostado das atividades e estratégias utilizadas. As atividades dinamizadas, em particular a utilização de videoclipes e a preparação, pelos/as alunos/as, de sessões de sensibilização constituem um contributo a valorizar nas ações de prevenção da violência no namoro.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.21723/riaee.v10i2.7846



Direitos autorais 2015 Revista Ibero-Americana de Estudos em Educação

 

Rev. Ibero-Americana de Estudos em Educação, Araraquara, SP, Brasil, e-ISSN: 1982-5587

DOI Prefix: 10.21723/riaee

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.