Produção acadêmica sobre a questão da reinserção social pela educação em estabelecimentos totais (2018 - 2022)

Autores

DOI:

https://doi.org/10.21723/riaee.v19i00.18244

Palavras-chave:

Revisão, Reinserção social, Educação, Dignidade humana, Estabelecimentos totais

Resumo

Este artigo decorre de uma Revisão Sistemática de Literatura – RSL, com o objetivo de analisar a questão da reinserção social pela educação em estabelecimentos totais abordada pela produção acadêmica, representada pelas dissertações e teses, nas quais os termos de busca encontraram ressonância. A RSL baseou-se em buscas na Biblioteca Digital de Teses e dissertações (BDTD) do Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia (IBICIT), por representar um repositório estável quanto à qualidade das informações. O recorte temporal abrangeu a produção acadêmica nos últimos cinco (05) anos, ou seja, de 2018 a 2022. Essa metodologia de estudo bibliográfico aprimora o olhar do pesquisador para modos diferentes de trabalhar com informações e documentos, permitindo certo distanciamento da temática e das intenções da pesquisa mais amplas, aguçando a percepção diante de estudos que apresentam similaridades e permitem reconhecer se a proposição da sua pesquisa já foi discutida e abordada por outro pesquisador.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ulysses Fonseca Louzada, Universidade Federal de Santa Maria

Professor Adjunto do Departamento de Direito. Doutorando em Educação no Programa de Pós-Graduação em Educação PPGE/UFSM.

Denise Santos da Cruz, Universidade Federal de Santa Maria

Pós-doutoranda em Educação - Programa de Pós-Graduação em Educação PPGE/UFSM.

Adriana Moreira da Rocha-Veiga, Universidade Federal de Santa Maria

Professora Associada do Departamento de Fundamentos da Educação; pesquisadora/orientadora no Programa de Pós-Graduação em Educação PPGE/UFSM.

Referências

ARAÚJO, J. F. dos S. Política de educação e educação na prisão: a realidade do Tocantins. 2020. 239 f. Tese (Doutorado em Política Social) – Universidade de Brasília, Brasília, 2020. Disponível em: https://repositorio.unb.br/handle/10482/40889. Acesso em: 20 dez. 2022.

BARBOSA, F. G. B. O ensino por meio da educação a distância no sistema carcerário baiano como mecanismo de ressocialização. 2021. 132 f. Dissertação (Mestrado em Direito) – Universidade Nove de Julho, São Paulo, 2021.

BETTIM, N. S. Educação para a cidadania: possibilidades de reintegração da pessoa encarcerada. 2018. 174 f. Tese (Doutorado em Educação) – Pontifícia Universidade Católica de Goiás, Goiânia, 2018. Disponível em: http://tede2.pucgoias.edu.br:8080/handle/tede/3969. Acesso em: 20 dez. 2022.

BONATTO, B. M. Avaliação do Plano Estadual de Educação para o Sistema Prisional do Paraná: a educação escolar no contexto das penitenciárias femininas de regime fechado. 2019. Tese (Doutorado em Educação) – Universidade Estadual de Ponta Grossa, Ponta Grossa, PR, 2019.

BRASIL. Lei n. 7.210, de 11 de julho de 1984. Institui a Lei de Execução Penal. Brasília, DF: Casa Civil, 1984. Disponível em: https://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/l7210.htm. Acesso em: 12 dez. 2023.

BRASIL. Constituição Federal do Brasil. Brasília, DF: Senado, 1988.

BRASIL. Resolução n. 3, de 11 de março de 2009. Dispõe sobre as Diretrizes Nacionais para a Oferta de Educação nos estabelecimentos penais. Brasília, DF: Senado, 2009. Disponível em: https://www.gov.br/senappen/pt-br/pt-br/composicao/cnpcp/resolucoes/2009/resolucao-no-3-de-11-de-marco-de-2009.pdf. Acesso em: 12 dez. 2023.

DANTAS, D. F. Leitura crítica: um caminho para a ressocialização. 2018. 229 f. Dissertação (Mestrado Profissional em Letras) – Universidade Federal de Campina Grande, Cajazeiras, PB, Brasil, 2018.

GALVÃO, M. C. B.; RICARTE, I. L. M. Revisão Sistemática da Literatura: conceituação, produção e publicação. Filosofia da Informação, [S. l.], ano: v. 6, n. 1, p. 57-73, 2019. Disponível em: https://repositorio.usp.br/item/002987801. Acesso em: 16 nov. 2022.

GOFFMAN, E. Manicômios, prisões e conventos.7. ed. Tradução de Dante Moreira Leite. São Paulo: Ed. Perspectiva, 2007.

LOUZADA, U. F. Ressocialização: realidade ou ficção? 2002. 148 f. Dissertação (Mestrado em Educação) – Universidade Federal de Santa Maria, Santa Maria, RS, 2002.

LOUZADA, U. F.; CRUZ, D. S. da; ROCHA-VEIGA, A. M. da R. Ressocialização na Instituição Total pela Educação. Realidade ou Utopia? Research, Society and Development, [S. l.], v. 1, p. 1-17, 2021.

LOUZADA, U. F.; CRUZ, D. S. da; ROCHA-VEIGA, A. M. da R. Dignidade Humana como princípio reitor à educação do (re)educando: Da ilha ao Continente. In: MACHADO, G. E.; FACCIN, R. D.; COSTA, S. C. da. (org.). Debates contemporâneos: Temas Interdisciplinares. 1. ed. Santa Maria, RS: Arco Editores, 2022. v. 1, p. 340-369.

MARQUES, M. A. Projeto político pedagógico das prisões - PPP PRISÕES. 2021. 154 f. Dissertação (Mestrado em Estado, Sociedade e Educação) – Universidade de São Paulo, São Paulo, 2021.

MORIN, E. Introdução ao Pensamento Complexo. 5. ed. Lisboa: Instituto Piaget, 2008.

MOROSINI, M. C.; FERNANDES, C. M. B. Estado do Conhecimento: conceitos, finalidades e interlocuções. Educação Por Escrito, Porto Alegre, v. 5, n. 2, p. 154-164, jul./dez. 2014.

PARANÁ. Secretaria de Estado da Educação. Secretaria de Estado da Justiça e Cidadania do Paraná. Plano Estadual de Educação no Sistema Prisional do Paraná. Curitiba: DEPEN, 2012. Disponível em: http://www.depen.pr.gov.br/arquivos/File/planoedu.pdf. Acesso em: 25 jan. 2024.

PARANÁ. Secretaria de Estado da Educação. Secretaria de Estado da Justiça e Cidadania do PARANÁ. Plano Estadual de Educação no Sistema Prisional do Paraná. Curitiba: DEPEN, 2015. Disponível em: http://www.depen.pr.gov.br/arquivos/File/EducacaoeTrabalho/Documentos/peespqu

inze.pdf. Acesso em: 25 jan. 2024.

SAMPAIO, A. R.; MANCINI, M. Estudos de revisão sistemática: um guia para síntese criteriosa da evidência científica. Braz. J. Phys. Ther., [S. l.], v. 11, n. 1, p. 83- 89, 2007.

SANTOS, I. A. dos. Experiências escolares no sistema prisional : um estudo sobre a produção acadêmica brasileira. 2020. Trabalho de Conclusão de Curso (Curso de Licenciatura em Pedagogia) – Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2020. Disponível em: https://lume.ufrgs.br/handle/10183/229708. Acesso em: 21 dez. 2022.

SILVEIRA, A. L. N. da. Educação e sustentabilidade: um estudo sobre as práticas laborais sustentáveis com pessoas privadas de liberdade no Maciço de Baturité/Ce. 2018. 118 f. Dissertação (Mestrado em Sociobiodiversidade e Tecnologias Sustentáveis) – Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira, Redenção, CE, 2018.

Publicado

30/01/2024

Como Citar

LOUZADA, U. F.; CRUZ, D. S. da; ROCHA-VEIGA, A. M. da. Produção acadêmica sobre a questão da reinserção social pela educação em estabelecimentos totais (2018 - 2022). Revista Ibero-Americana de Estudos em Educação, Araraquara, v. 19, n. 00, p. e024013, 2024. DOI: 10.21723/riaee.v19i00.18244. Disponível em: https://periodicos.fclar.unesp.br/iberoamericana/article/view/18244. Acesso em: 16 abr. 2024.

Edição

Seção

Artigos teóricos