Da individualização à literatura: outras possibilidades de pensar a pesquisa em educação

Autores

  • Alice Copetti Dalmaso UFSM - UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA
  • Marilda Oliveira de Oliveira UFSM - UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA

DOI:

https://doi.org/10.21723/riaee.v10i4.6601

Resumo

Os escritos que seguem tratam de experimentar outras possibilidades de existir com e na pesquisa em educação. Para isso, atentamos ao que desejamos aprender ou a desaprender, que perguntas produzimos nas inquietações de sermos o que somos hoje, deixando vazar a insistência de uma escrita que perpassa, entre tantas coisas, vidas escolarizadas. A literatura de Mia Couto, e sua potência estética, experimentou aqui conversar com o filósofo da individuação, Gilbert Simondon, a possibilidade de pensarmos outros espaços e tempos de formação e de educação, arrastando as imagens que carregamos de mundo, de escola, de aluno, de professor, de humano, e de um ideal de pesquisa. Formação que sai da forma. Educação sem prerrogativa de bem e de mal.

Biografia do Autor

Alice Copetti Dalmaso, UFSM - UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA

Licenciada em Ciências Biológicas pela Universidade Federal de Santa Maria (2009). Bacharel em Ciencias Biológicas pela Universidade Federal de Santa Maria (2008). Mestre em Educação pela mesma instituição (2013) e Doutoranda em Educação, na linha de pesquisa LP4 Educação e Artes (2013-atual) PPGE/UFSM. Membro do GEPAEC - Grupo de Estudos e Pesquisas em Arte, Educação e Cultura da UFSM. Desenvolve pesquisa na área de Educação, com ênfase nas temáticas de produção de subjetividades na contemporaneidade, formação e filosofia da diferença.

Marilda Oliveira de Oliveira, UFSM - UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA

Licenciada em Artes Plásticas pela Universidade Federal de Santa Maria (1987). Bacharel em Desenho e Plástica (Cerâmica) pela Universidade Federal de Santa Maria (1987). Mestre em Antropologia Social pela Universidad de Barcelona (1990) e Doutora em História, Geografia e História da Arte pela Universidad de Barcelona (1995). Atualmente é Professora Associada II do Departamento de Metodologia do Ensino, do Centro de Educação, da Universidade Federal de Santa Maria, atua na Graduação nos Cursos de Licenciatura em Pedagogia, Educação Especial e Artes Visuais. Membro da International Society for Education through Art InSEA. Professora credenciada no Programa de Pós-Graduação em Educação, Mestrado e Doutorado (PPGE/CE/UFSM), na Linha de Pesquisa: Educação e Artes. Coordenadora do GEPAEC - Grupo de Estudos e Pesquisas em Arte, Educação e Cultura da UFSM. Editora da Revista Digital do LAV. Desenvolve pesquisa na área de Educação e Artes Visuais, com ênfase em Educação, nas temáticas: Cultura da imagem em processos pedagógicos e socioculturais; Educação e cultura visual em processos formativos.

Downloads

Publicado

18/12/2015

Como Citar

DALMASO, A. C.; OLIVEIRA, M. O. de. Da individualização à literatura: outras possibilidades de pensar a pesquisa em educação. Revista Ibero-Americana de Estudos em Educação, Araraquara, v. 10, n. 4, p. 1110–1125, 2015. DOI: 10.21723/riaee.v10i4.6601. Disponível em: https://periodicos.fclar.unesp.br/iberoamericana/article/view/6601. Acesso em: 5 mar. 2021.

Edição

Seção

Artigos