Orientações curriculares de geografia e educopédia da Secretaria Municipal de Educação do Rio de Janeiro

Autores

  • Renata Bernardo Andrade Universidade Estadual do Rio de Janeiro
  • Ana Claudia Ramos Sacramento Universidade Estadual do Rio de Janeiro

DOI:

https://doi.org/10.21723/riaee.v13.n1.2018.11155

Palavras-chave:

Currículo. Ensino de Geografia. Orientações Curriculares. Educopéia.

Resumo

Este trabalho tem como objetivo refletir sobre o currículo como instrumento ideológico e conceitual de formação do conhecimento, a partir da importância do currículo de Geografia e sua importância na escola, ao tecer considerações a respeito de que concepções de disciplina desenvolver para pensar uma visão de mundo e raciocínio crítico nos alunos. Assim, a partir das Orientações Curriculares de Geografia da Secretaria Municipal de Educação do Rio de Janeiro analisar o papel da disciplina, partir do uso da Educopédia, uma plataforma on line organizada a partir de disciplinas por séries com conteúdos e materiais de apoio para os professores. Como resultados analisa-se que as Orientações Curriculares são construídas a partir de uma teoria curricular tradicional, caracterizado por uma organização curricular por competências na qual a disciplina ainda se mostra de maneira tradicional do conhecimento geográfico.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Renata Bernardo Andrade, Universidade Estadual do Rio de Janeiro

Mestranda em geografia DGEO-FFP UERJ

Ana Claudia Ramos Sacramento, Universidade Estadual do Rio de Janeiro

Doutora em Geografia Física - DGEO-FFLCH-USP.

Professora de Graduação e Pós-Graduação em Geografia- DGEO-FFP

Referências

ANDRADE, R. B.; SACRAMENTO, A. C. R. Educopédia: uma forma de ensinar geografia. In: 1ª Jornada Ibero-Americana de Pesquisas em Políticas Educacionais e Experiências Interdisciplinares na Educação, 2016, Brasília: Grupo Nova Paideia, Anais... 2016. p. 605-611.

BITTENCOURT, P. A. S.; ALBINO, J. P. O uso das tecnologias digitais na educação do século XXI. Revista Ibero-Americana de Estudos em Educação, v.12, n. 1, p. 205-214, jan./mar., 2017., 2017. DOI: 10.21723/riaee.v12.n1.9433.

CASTELLAR, S. M. V. A importância da Geografia no Currículo e no contexto escolar. In: PAES, M. T.; SILVA, C.; MATIAS, L. (orgs). (Org.). Geografia, políticas Públicas e Dinâmicas Territoriais. 1ªed. Dourados: Universidade Federal Grande Dourados, 2013, v. 1, p. 3-26.

CASTELLAR, S. M. V.; STEFERON, D. L. A ciência Geográfica na escola: pressupostos de um currículo escolar fundamentado no conhecimento disciplinar. Uni-pluri (Medellin), v. 15, p. 15-23, 2015.

CAVALCANTI, L. S. Geografia, escola e construção do conhecimento. 18ªed. Campinas, SP: Papirus, 2013.

CAVALCANTI, L. S. Ensino de geografia na escola. Reimpressão. 3ªed., 2014.

LACOSTE. Y. A Geografia – isso serve, em primeiro lugar, para fazer a guerra. 19ªed. Campinas, SP: Papirus, 2012.

LOPES, A. R. C. Políticas de integração curricular. Rio de Janeiro: EdUERJ, 2008.

LOPES, A. C.; MACEDO, E.Teorias do Currículo. São Paulo: Cortez, 2011.

MALTA, S. C. L. Uma abordagem sobre currículo e teorias afins visando à compreensão e mudança. Revista Espaço do Currículo (Online), v. 6, p. 340-354, 2013.

MOREIRA, R. Para onde vai o pensamento geográfico. 1a.. Ed.São Paulo: Contexto, 2006.

MOREIRA, R. O discurso do avesso: para a crítica da geografia que se ensina. 2a. Ed. São Paulo: Editora Contexto, 2014.

SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO DO RIO DE JANEIRO. Orientações Curriculares de Geografia SME/RJ, 2016. Disponível em http://www.rioeduca.net/blogViews. Php?id=5265. Acesso em: 10 mar. 2017.

SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO DO RIO DE JANEIRO. Núcleo Curricular Básico MULTIEDUCAÇÃO. Rio de Janeiro, 1996.

SILVA, T. T. da (org). Teoria do currículo. In: Documentos de identidade: uma introdução às teorias do currículo. Belo Horizonte: Autêntica, 1999, p. 11-17.

YOUNG, M. Para que serve as escolas? Educ. Soc., Campinas, vol. 28, n. 101, set./dez., 2007, p. 1287-1302.

Downloads

Publicado

03/01/2018

Como Citar

ANDRADE, R. B.; SACRAMENTO, A. C. R. Orientações curriculares de geografia e educopédia da Secretaria Municipal de Educação do Rio de Janeiro. Revista Ibero-Americana de Estudos em Educação, Araraquara, v. 13, n. 1, p. 248–268, 2018. DOI: 10.21723/riaee.v13.n1.2018.11155. Disponível em: https://periodicos.fclar.unesp.br/iberoamericana/article/view/11155. Acesso em: 29 jun. 2022.

Edição

Seção

Artigos