Histórico de Formação e Consolidação da Pesquisa Colaborativa em Rede: OIIIIPe e LaPEADE em foco

Autores

DOI:

https://doi.org/10.21723/riaee.v13.nesp2.set2018.11639

Palavras-chave:

Inclusão em educação, Interculturalidade, Inovação pedagógica, Formação de professores, Educação Superior

Resumo

O Laboratório de Pesquisa, Estudos e Apoio à Participação e à Diversidade em Educação (LaPEADE /FE/UFRJ) vem desenvolvendo pesquisas que versam sobre as temáticas de inclusão em educação, a fim de apoiar e promover a participação e a diversidade em educação nas dimensões culturais, políticas e práticas das instituições e sistemas institucionais. No que diz respeito ao Observatório Internacional de Inclusão, Interculturalidade e Inovação Pedagógica (OIIIIPe), trata-se de uma pesquisa colaborativa em rede que se consolidou em 2016, mas que vem sendo desenvolvida, desde 2004, pelo LaPEADE, em parceria com instituições de ensino estrangeiras. Objetivamos com este artigo apresentar um rastreamento histórico acerca da parceria do LaPEADE com o OIIIIPe no que tange aos processos de inclusão e exclusão, no âmbito do ensino superior, e de forma exploratória expor resultados parciais de um questionário realizado com dois gestores da UFRJ no que se refere às concepções de inclusão, interculturalidade e inovação pedagógica em contextos do ensino superior. No tocante à metodologia, nosso estudo trata-se de uma pesquisa colaborativa, bibliográfica, documental e com uso da etnografia digital (POLIVANOV, 2015) Como resultado, destacamos os desafios do trabalho em rede e a consolidação do observatório, tendo como parâmetro as atuais políticas públicas de internacionalização da ciência e tecnologia brasileiras; o fortalecimento de redes de pesquisa e parcerias interinstitucionais; o intercâmbio de discentes e docentes; assim como a realização de eventos acadêmicos em quatro Estados brasileiros.

Biografia do Autor

Mônica Pereira dos Santos, Faculdade de Educação da Universidade Federal do Rio de Janeiro

Professora Associada da Faculdade de Educação da Universidade Federal do Rio de Janeiro. Possui graduação em Psicologia, Mestrado e PhD em Psicologia e Educação Especial pela Universidade de Londres. Tem atuado como parecerista ad hoc em várias agências financiadoras de pesquisa, além de ser membro efetivo de importantes Associações nacionais e internacionais, como por exemplo, a Associação Nacional de Pesquisadores em Educação (ANPEd), Associação Nacional de Direitos Humanos Pesquisa e Pós-Graduação (ANDHEP), Associação Brasileira de Psicologia Social (ABRAPSO), Association pour la Recherche InterCulturelle (ARIC), e Associação Brasileira de Pesquisadores em Educação Especial (ABPEE). Atualmente, é coordenadora do Observatório Estadual de Educação Especial (OEERJ), diretamente vinculado ao Observatório Nacional (ONEESP) e do Observatório Internacional de Inclusão, Interculturalidade e Inovação Pedagógica (OIIIIPe), que congrega mais de 25 Universidades, brasileiras e estrangeiras. Preside a Comissão Executiva do Fórum Permanente UFRJ Acessível e Inclusiva, e Coordena o Comitê de Ética em Pesquisa do Centro de Filosofia e Ciências Humanas da UFRJ. É Conselheira do Conselho de Ensino para Graduados (CEPG) da UFRJ, onde preside o Gt de Ações Afirmativas na Pós-graduação. Autora de três livros sobre inclusão em Educação e publicou vários artigos sobre a temática. É membro do conselho editorial da Revista Espaço, do Instituto Nacional de Educação de Surdos (INES), da Revista Brasileira de Educação Especial, da Revista Conhecimento e Diversidade e da Revista Poiesis Pedagógica. Atuou como gestora nacional da Gerência de Educação do Departamento Nacional do SESC entre 2004/2007 e Co-coordenadora do Programa Nacional Escola de Gestores/MEC (2009/2011). Tem experiência na área de Educação, com ênfase em Psicologia da Educação, Políticas Educacionais e Inclusão em Educação, atuando principalmente nos seguintes temas: Culturas, políticas e práticas de Inclusão em Educação, Interculturalidade em Educação, Direitos Humanos, Formação de Professores, Ensinoaprendizagem, Psicologia da Aprendizagem, Psicologia do desenvolvimento, Psicologia Escolar, Psicologia Social, Psicopedagogia, Educação Especial. Fundadora e coordenadora do LaPEADE Laboratório de Pesquisa, Estudos e Apoio à Participação e à Diversidade em Educação. Orienta monografias de graduação, de especialização, dissertações de mestrado e teses de doutorado. 

Mylene Cristina Santiago, Universidade Federal Fluminense/Universidade Federal do Rio de Janeiro

Professora adjunta da Universidade Federal Fluminense, vice-coordenador do Lapeade da Universidade Federal do Rio de Janeiro. Possui graduação em Pedagogia pela Universidade Federal de Juiz de Fora (1998), mestrado em Educação pela Universidade Federal de Juiz de Fora (2002) e doutorado em Educação pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2011). Tem experiência na área de Educação, com ênfase em Currículo, atuando principalmente nos seguintes temas: formação de professores, inclusão em educação, inclusão e exclusão, educação intercultural e currículo.

Leyse Monick França Nascimento, Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ)

Doutoranda do Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Federal do Rio de Janeiro - UFRJ, da linha de pesquisa Inclusão, Ética e Interculturalidade; Mestre em Educação pela UFRJ (2017); Especialista em Acessibilidade Cultural /Rio de Janeiro-UFRJ (2014), em Língua Brasileira de Sinais/Libras-Faculdade Santa Fé/Atlas Educare (2011), em Psicopedagogia/Faculdade de Macapá-FAMA (2003). Possui graduação em Pedagogia/Universidade Federal do Amapá-UNIFAP(2005) e Bacharelado em Administração de Empresas/Centro de Ensino Superior do Amapá (2002). Trabalha na Secretaria Municipal de Educação de Macapá/SEMED e é membro pesquisadora do LaPEADE - Laboratório de Pesquisa, Estudos e Apoio à Participação e à Diversidade em Educação.

Referências

BOOTH, T.; AINSCOW, M. Index para a inclusão. Desenvolvendo a aprendizagem e a participação na escola. Tradução de M. P. Santos. UFRJ: Lapeade, 2011.

BOOTH, T.; AINSCOW, M. Index for inclusion: a guide to school development led by inclusive values. Cambridge: Index for Inclusion Network, 2016.

CAPELLINI, V. L. M. F. A avaliação das possibilidades do trabalho colaborativo no processo de inclusão escolar do aluno com deficiência mental. 2004. 299 f. Tese (Doutorado em Educação Especial) – UFSCar, São Carlos.

CELLARD, A. A análise documental. In: POUPART, J. et al. A pesquisa qualitativa: enfoques epistemológicos e metodológicos. Petrópolis: Vozes, 2008.

FRANCO, M. A. S. Pedagogia da pesquisa-ação. Educação e Pesquisa, São Paulo, v. 31, n. 3, p. 483-502, dez. 2005.

HINE, C. Virtual ethnography. London: Sage Publications, 2000.

LUDWIG, A. C. W. Fundamentos e prática de metodologia científica. 3. ed. Rio de Janeiro: Vozes, 2015.

LUKÁCS, G. Existencialismo ou marxismo. São Paulo: Livraria Editora Ciências Humanas, 1979.

LUKÁCS, G. História e consciência de classe: estudos sobre a dialética marxista. São Paulo: Martins Fontes, 2003.

LUKÁCS, G. Prolegômenos para uma ontologia do ser social. São Paulo: Boitempo, 2010.

MORIN, E. O método 1: a natureza da natureza. Porto Alegre: Sulina, 2005.

MORIN, E. Introdução ao pensamento complexo. Tradução de Eliane Lisboa. 5. ed. Porto Alegre: Sulina, 2015.

POLIVANOV, B. Etnografia virtual, netnografia ou apenas etnografia? Implicações dos conceitos. Disponível em: https://portalrevistas.ucb.br/index.php/esf/article/view/4621/3243. Acesso em: 18 jun. 2013.

SANTOS, M. P. dos. Dialogando sobre inclusão em educação: contando casos (e descasos). Curitiba: CRV, 2013.

SANTOS, M. P. dos.; SANTIAGO, M. C. Escola de Àbá: política curricular para a igualdade racial no município de Juiz de Fora/MG In: IX ENCONTRO DE PESQUISA EM EDUCAÇÃO DA REGIÃO SUDESTE. Pesquisa em Educação no Brasil: balanço do século XX e desafios para o século XXI. São Carlos: UFSCAR, 2009a.

SANTOS, M. P. dos.; SANTIAGO, M. C. As múltiplas dimensões do currículo no processo de inclusão e exclusão em educação. In: COLÓQUIO INTERNACIONAL DE POLÍTICAS E PRÁTICAS CURRICULARES: DIFERENÇAS NAS POLÍTICAS DE CURRÍCULO. Anais... João Pessoa, PB, 2009b.

SANTOS, M. P. dos.; SANTIAGO, M. C. Ciclo de formação de professores sobre inclusão em educação: em direção a uma perspectiva omnilética. In: REUNIÃO NACIONAL DA ANPED, 36., 2013, Goiânia. Anais... Rio de Janeiro: Anped, 2013. Disponível em: http://36reuniao.anped.org.br/pdfs_trabalhos_aprovados/gt15_trabalhos_pdfs/gt15_2901_texto.pdf. Acesso em: 20 jan. 2018.

Downloads

Publicado

01/09/2018

Como Citar

Santos, M. P. dos, Santiago, M. C., & Nascimento, L. M. F. (2018). Histórico de Formação e Consolidação da Pesquisa Colaborativa em Rede: OIIIIPe e LaPEADE em foco. Revista Ibero-Americana De Estudos Em Educação, 13(esp.2), 1236–1251. https://doi.org/10.21723/riaee.v13.nesp2.set2018.11639

Edição

Seção

Artigos