Avanços e retrocessos da educação sexual no Brasil: apontamentos a partir da eleição presidencial de 2018

Autores

DOI:

https://doi.org/10.21723/riaee.v14iesp.2.12701

Resumo

A Educação Sexual no Brasil teve, nos anos 1930, seu primeiro momento de intensa divulgação nos meios de comunicação, graças ao trabalho pioneiro de médicos que se interessaram por questões de sexo e sexualidade e que deram a cientificidade necessária para o debate na sociedade. Muitos livros foram publicados e muitas editoras conceituadas se empenharam para que obras de conceituados autores brasileiros e estrangeiros alcançassem várias edições.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Paulo Rennes Marçal Ribeiro, Universidade Estadual Paulista (UNESP), Araraquara - SP

Docente do Programa de Pós-Graduação em Educação Sexual, e no PPG Educação Escolar.

Solange Aparecida de Souza Monteiro, Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia de São Paulo (IFSP), Araraquara – SP

Mestra em Processos de Ensino, Aprendizagem e Inovação.

Referências

BEDIN, R. C. A história do Núcleo de Estudos da Sexualidade e sua participação na trajetória do conhecimento sexual na UNESP. 2016. 154 f. Tese (Doutorado em Educação Escolar) - Faculdade de Ciências e Letras, Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho”, Araraquara, 2016.

BUENO, R. C. P.; RIBEIRO, P. R. M. História da educação sexual no Brasil: apontamentos para reflexão. Revista Brasileira de Sexualidade Humana, v. 29, n. 1, p. 49-56, 2018.

FELICIO, L. A. Um projeto de Educação Sexual para o Brasil: o Círculo Brasileiro de Educação Sexual (1933-1945). Anais do XXVI Simpósio Nacional de História, 2011. Disponível em: http://www.snh2011.anpuh.org/resources/anais/14/1300919582_ARQUIVO_TrabalhoparaAnpuh(primeiraversao).pdf.

OKAWARA, H.; SAWAYA, R. B. Amar: toda a realidade sobre a vida sexual. São Paulo: Editora Abril Cultural, 2 v., 1977.

REIS, G. V.; RIBEIRO, P. R. M. A institucionalização do conhecimento sexual no Brasil. In: RIBEIRO, P. R. (Org.) Sexualidade e educação: aproximações necessárias. São Paulo: Arte & Ciência, p. 27-71, 2004.

RIBEIRO, P. R. 15 anos do Núcleo de Estudos da Sexualidade: de grupo de pesquisa a programa de pós-graduação. Revista Ibero-Americana de Estudos em Educação. Araraquara, v. 10, n. esp., p. 1389-1393, 2015.

RUSSO, J.; ROHDEN, F. (Org.) Sexualidade, ciência e profissão no Brasil. Rio de Janeiro: CEPESC/IMS/UERJ, 2011.

Publicado

26/06/2019

Como Citar

RIBEIRO, P. R. M.; MONTEIRO, S. A. de S. Avanços e retrocessos da educação sexual no Brasil: apontamentos a partir da eleição presidencial de 2018. Revista Ibero-Americana de Estudos em Educação, Araraquara, v. 14, n. esp.2, p. 1254–1264, 2019. DOI: 10.21723/riaee.v14iesp.2.12701. Disponível em: https://periodicos.fclar.unesp.br/iberoamericana/article/view/12701. Acesso em: 11 maio. 2021.

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 3 > >>