Cenário e perspectivas para a melhoria do ensino público no Brasil: mídia, cultura e educação

Cláudio B. G. Souza, Dora I. P. da Costa, Silvio H. Fiscarelli

Resumo


Pensar a melhoria do ensino público no Brasil significa pensar não apenas em quais competências e habilidades desejamos desenvolver nos indivíduos, mas compreende identificar claramente o tipo de cidadãos que estamos formando e que tipo de sociedade queremos para o futuro. Neste contexto, é importante salientar que a prática em sala de aula hoje não pode ser pensada sem considerar a educação imersa na cultura e, portanto, nas formas de comunicação moderna. Assim, se existe uma crise da educação, ela não pode ser resolvida somente dentro da sala de aula. O grande desafio para a educação escolar é mostrar para os alunos, dentro da sala de aula, como será estar fora dela. A educação de qualidade é um projeto para o futuro, para o desconhecido, para um mundo que não conhecemos agora. Neste sentido direcionar a educação somente para o mercado de trabalho é um erro, pois o mercado é assim hoje, mas poderá ser outro daqui a dez ou quinze anos. Justamente porque não sabemos quais serão os requisitos para o cidadão do futuro, temos que nos concentrar no que é essencial na formação de nossos jovens. Essencial é, então, compreender as idéias, saber discuti-las, saber argumentar e reconhecer o papel das tecnologias na evolução social e cultural da humanidade.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.21723/riaee.v7i2.5401



Direitos autorais 2012 Revista Ibero-Americana de Estudos em Educação

 

Rev. Ibero-Americana de Estudos em Educação, Araraquara, SP, Brasil, e-ISSN: 1982-5587

DOI Prefix: 10.21723/riaee

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.