A difícil passagem das representações cotidianas para o saber complexo

Nildo Viana

Resumo


O artigo discute a questão da difícil passagem das representações cotidianas para o saber complexo, pois este último, devido sua sistematicidade e caráter mais abstrato, não é de fácil assimilação. Essa dificuldade, ao lado de outras determinações, é a geradora da formação ritual e das representações mescladas e é algo relativamente comum no ensino superior em todo o mundo. Nesse sentido, explicitar o processo de explicação desse fenômeno assume grande importância no debate educacional contemporâneo.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.21723/riaee.v8i1.6474



Direitos autorais 2013 Revista Ibero-Americana de Estudos em Educação

 

Rev. Ibero-Americana de Estudos em Educação, Araraquara, SP, Brasil, e-ISSN: 1982-5587

DOI Prefix: 10.21723/riaee

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.