Concepção docente sobre adequação curricular na educação inclusiva

Autores

  • Vanderlei Balbino da Costa UFG – Universidade Federal de Goiás - Departamento de Educação. Goiânia – GO – Brasil.
  • Fátima Elisabeth Denari UFSCar - Universidade Federal de São Carlos. Centro de Ciências Humanas e da Educação. São Carlos – SP -

DOI:

https://doi.org/10.21723/riaee.v9i1.6854

Resumo

O trabalho é resultado da tese de doutorado Olhares Docentes sobre Inclusão Escolar dos Estudantes com Deficiência na Escola Comum, realizada na Universidade Federal de São Carlos, no período de 2009 a 2012. O problema investigado versou sobre a opinião de docentes sobre adaptação da escola aos estudantes com deficiência. Os objetivos da pesquisa foram: identificar a opinião dos docentes sobre adaptação da escola para os estudantes com deficiência que frequentam o ensino comum e se os docentes fazem adequação do currículo para a inclusão escolar destes estudantes. A metodologia utilizada pautou-se pela pesquisa qualitativa, ancorada nos pressupostos da análise do discurso. Os resultados mostraram que não há pelos docentes uma compreensão clara do que seja adaptação da escola para alunos com deficiências. Outro resultado que identificado foi à constatação de que os docentes não fazem adequação curricular no sentido de atender com eficácia aos estudantes com deficiência na escola comum. As considerações nos levaram a refletir sobre a necessidade de formação docente para atuar na escola comum, quando nesta há estudantes com deficiência matriculados.

Downloads

Como Citar

COSTA, V. B. da; DENARI, F. E. Concepção docente sobre adequação curricular na educação inclusiva. Revista Ibero-Americana de Estudos em Educação, Araraquara, v. 9, n. 1, p. 27–34, 2014. DOI: 10.21723/riaee.v9i1.6854. Disponível em: https://periodicos.fclar.unesp.br/iberoamericana/article/view/6854. Acesso em: 6 mar. 2021.

Edição

Seção

Artigos

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)