Desafios da leitura e da escrita em meio digital

Adair de Aguiar Neitzel, Janete Bridon Reis, Maria Lindamir de Aguiar Barros, Aletéia de Simas Rossi

Resumo


Este artigo trata das estratégias de ensino no campo da leitura literária que os licenciandos de Letras promoveram no decorrer do Programa Docência na Educação Básica/PIBID/UNIVALI. Foram analisadas as concepções que subjazem essas estratégias e como elas colaboram para a formação de leitores no ensino médio. Esta investigação, de caráter qualitativo, utilizou como instrumentos de coleta de dados os portfólios redigidos pelos licenciandos de Letras, bolsistas do PIBID, disponíveis no ambiente virtual da instituição, e entrevistas com os alunos do ensino médio que participaram da pesquisa. Os resultados apontam que, por meio da leitura e da produção de contos multimídias, os alunos foram capazes de fazer relações com outros textos; ampliar o diálogo sobre a obra lida; colocar a pesquisa no centro do processo; fazer uso da autonomia na escolha do material; participar de um processo criativo; trabalhar em equipe; aprender a importância da revisão na produção de textos; negociar saberes. Ao trabalhar-se com a literatura de forma a resguardar sua função estética, os estudantes mudaram sua visão sobre o texto literário, passando a compartilhá-lo com os pares e a reconhecer as literariedades do texto e as sutilezas das construções literárias.


Texto completo:

PDF




Direitos autorais 2015 Revista Ibero-Americana de Estudos em Educação

 

Rev. Ibero-Americana de Estudos em Educação, Araraquara, SP, Brasil, e-ISSN: 1982-5587, ISSN: 2446-8606.

DOI Prefix: 10.21723/riaee

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.