Inovação, qualidade do ensino e saberes educacionais: caminhos da gestão escolar contemporânea

Autores

  • Antonio Amorim Doutor em Psicologia. UB - Universidade de Barcelona. Professor titular do Departamento de Educação. UNEB - Universidade do Estado da Bahia. Salvador – BA – Brasil. http://orcid.org/0000-0003-3236-9139

DOI:

https://doi.org/10.21723/riaee.v10i2.7722

Resumo

O presente estudo discute a questão das possibilidades da educação e da nossa escola, nesse início de século. Analisamos a inovação escolar, a qualidade do ensino e a criação de novos saberes educacionais, demonstrando que a escola contemporânea tem futuro. Fazemos uma crítica ao modelo atual de escola, apontando um campo de possibilidades para que as instituições de ensino encontrem uma direção, um caminho inovador, garantindo a oferta de um ensino de qualidade para os educandos. Colocamos também a necessidade de inovação do ambiente escolar e educacional, apontando caminhos inovadores para que a gestão escolar atue no fortalecimento do diálogo, da participação e da busca de uma excelência educacional que garanta a reconstrução de uma escola pública de excelência pedagógica para todos.

Biografia do Autor

Antonio Amorim, Doutor em Psicologia. UB - Universidade de Barcelona. Professor titular do Departamento de Educação. UNEB - Universidade do Estado da Bahia. Salvador – BA – Brasil.

Professor titular do Departamento de Educação Campus I da Universidade do Estado da Bahia, com Doutorado em Psicologia pela Universidade de Barcelona - Espanha.

Downloads

Publicado

07/07/2015

Como Citar

AMORIM, A. Inovação, qualidade do ensino e saberes educacionais: caminhos da gestão escolar contemporânea. Revista Ibero-Americana de Estudos em Educação, Araraquara, v. 10, n. 2, p. 400–416, 2015. DOI: 10.21723/riaee.v10i2.7722. Disponível em: https://periodicos.fclar.unesp.br/iberoamericana/article/view/7722. Acesso em: 25 fev. 2021.

Edição

Seção

Artigos