Estágios obrigatórios no curso de Ciências Sociais: reflexões acerca da formação docente

Maria Luzia Silva Mariano, Sandra Aparecida Pires Franco

Resumo


A disciplina de Sociologia, por apresentar um caráter crítico e reflexivo, pode proporcionar aos alunos o desenvolvimento de elementos essenciais e indispensáveis à sua formação cidadã. O professor de Sociologia tem papel fundamental nessa formação. O presente estudo objetivou refletir acerca da realização dos estágios obrigatórios do curso de Ciências Sociais de uma Universidade Pública no sul do estado de Minas Gerais. As reflexões são feitas à luz dos pressupostos teóricos materialista-histórico e dialético e da teoria histórico-cultural (e também com base em documentos oficiais voltados à educação nacional). Os desafios encontrados pelos licenciandos em questão são muitos, desde a infraestrutura precária das escolas públicas até a enorme falta de interesse e indisciplina dos alunos durante as aulas.

Palavras-chave


CCiências sociais. Ensino. Estágio obrigatório. Formação docente.

Texto completo:

PDF

Referências


ARAUJO, S. M. de. BRIDI, M. A.; MOTIM, B. L. Ensinar e aprender Sociologia no Ensino Médio. São Paulo: Contexto, 2009.

BARROS, M. S. F.; FRANCO, S. A. P. O Caráter atual da Educação profissional: formação unilateral ou omnilateral do homem? In: CHAVES, M. SETOGUTI, R. I.; MORAES, S. P. G. de (Orgs.). A formação do professor e intervenções pedagógicas humanizadoras. 1. ed. Curitiba: Instituto Memória Editora, 2010.

BRASIL. Presidência da República. Lei nº. 9.394 de 20 de dezembro de 1996. Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/arquivos/pdf/ldb.pdf. Acesso em: 20 jan. 13.

BRASIL. Presidência da República. Lei nº. 11.684 de 2 de junho de 2008. Estabelece as diretrizes e bases da educação nacional, para incluir a Filosofia e a Sociologia como disciplinas obrigatórias nos currículos do ensino médio. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_Ato2007-2010/2008/Lei/L11684.htm. Acesso em: 20 jan. 13.

BRASIL. Ministério da Educação. Secretaria de Educação média e Tecnológica. Parâmetros curriculares nacionais (ensino médio). Brasília. 2000. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/seb/arquivos/pdf/blegais.pdf. Acesso em: 14 abr. 2016.

BRASIL. Ministério da Educação. Secretaria de Educação Básica. PCN + Ensino Médio: Ciências Humanas e suas Tecnologias. Brasília. 2007. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/seb/arquivos/pdf/CienciasHumanas.pdf. Acesso em: 14 abr. 2016.

CARVALHO, L. M. G. de (Org.). Sociologia e ensino em debate: experiências e discussão de sociologia no ensino médio. Ijuí: Unijuí, 2004.

FRANCO, S. A. P.; MARIANO, M. L.S. As várias dimensões na trilogia Jogos Vorazes: uma aplicação prática para o ensino médio. Impulso, Brasil, 25, set. 2015. Disponível em: https://www.metodista.br/revistas/revistas-unimep/index.php/impulso/article/view/2394/1653. Acesso em: 16 abr. 2016.

GASPARIN, J. L. Uma Didática para a Pedagogia Histórico-Crítica. 5. ed. Campinas: Autores Associados, 2012 (Coleção educadores contemporânea).

MARIANO, M. L. S. Qualidade Motivacional no Ensino Médio: estudo sobre relações com a maturidade e a escolha profissional. 2015. 110 f. Dissertação (Mestrado) - Curso de Educação - Centro de Educação, Comunicação e Artes - Universidade Estadual de Londrina, Londrina, 2015.

MÉSZÁROS, I. A Educação para além do capital. São Paulo. Editora Boitempo. 2008.

SILVA, L. C. da. Disciplina e indisciplina na aula: uma perspectiva sociológica. 2007. 284 f. Tese (Doutorado) - UFMG, Belo Horizonte, 2007.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALFENAS (UNIFAL-MG). Projeto Pedagógico Curso de Ciências Sociais – Licenciatura. 2011. Disponível em: http://www.unifal-mg.edu.br/graduacao/system/files/imce/PPC%20com%20Resolu%C3%A7%C3%B5es%20site%20set-2015.pdf. Acesso em: 13 abr. 2016

VIGOTSKI, L. S. Formação social da mente. São Paulo, SP: Martins Editora, 2010.




DOI: https://doi.org/10.21723/riaee.v12.n4.out./dez.2017.8813



Direitos autorais 2017 Revista Ibero-Americana de Estudos em Educação

 

Rev. Ibero-Americana de Estudos em Educação, Araraquara, SP, Brasil, e-ISSN: 1982-5587

DOI Prefix: 10.21723/riaee

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.