Motivação de discentes do Ensino Superior

Aulas remotas e presenciais

Autores

DOI:

https://doi.org/10.22633/rpge.v28i00.19177

Palavras-chave:

Perfil discente, Avaliação de disciplina, Conhecimentos prévios

Resumo

A motivação para compreender o perfil dos discentes do Ensino Superior em relação ao processo de ensino e aprendizagem surgiu devido à situação emergencial provocada pela pandemia da COVID-19. Essa situação demandou a adaptação do sistema educacional, visando evitar prejuízos à formação acadêmica dos alunos. O objetivo foi analisar o perfil discente, de 2019 a 2022, considerando as perspectivas observadas na avaliação de disciplina realizada pelos alunos, por meio de um software criado pela instituição, que contemplou sua frequência e acompanhamento das aulas, conhecimentos e experiências anteriores, estudos fora do horário de aula e a importância da disciplina para o curso escolhido. Pelos resultados obtidos, verificou-se um aumento de avaliações positivas em relação aos conhecimentos prévios dos estudantes no período de aulas remotas, e uma queda em 2022. Em geral, os alunos apresentam frequência positiva às aulas, bem como compreendem a importância das disciplinas para sua formação.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Fabiana Lumi Kikuchi Hamada, Universidade de São Paulo

Pedagoga (Unopar), Mestre em Educação (UEL), e Especialista em MBA em Gestão Escolar (Pecege).

Rosebelly Nunes Marques, Universidade de São Paulo

Docente do Departamento de Economia, Sociologia e Administração.

Referências

BACICH, L.; MORAN, J.; FLORENTINO, E. Educação híbrida: reflexões para a educação pós-pandemia. Políticas Educacionais em Ação. FGV Ebape, [S.I], n. 14, p.1-13, 2021. Disponível em: academia.edu/70700279/Educa%C3%A7%C3%A3o_h%C3%ADbrida_reflex%C3%B5es_para_a_educa%C3%A7%C3%A3o_p%C3%B3s_pandemia_. Acesso em: 11 jun. 2021.

BRASIL. Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior [Capes], 2022. Tabela de Áreas do Conhecimento.

BRASIL. Ministério da Educação [MEC]. Portaria n.º 343, de 17 de março de 2020. Dispõe sobre a substituição das aulas presenciais por aulas em meios digitais enquanto durar a situação de pandemia do Novo Coronavírus - COVID-19. Diário Oficial da União, Brasília, 2020a.

BRASIL. Portaria n.º 14.040, de 18 de agosto de 2020. Estabelece normas educacionais excepcionais a serem adotadas durante o estado de calamidade pública reconhecido pelo Decreto Legislativo nº 6, de 20 de março de 2020; e altera a Lei nº 11.947, de 16 de junho de 2009. Diário Oficial da União: seção 1, Brasília, DF, n. 159, p. 4, 2020b.

BZUNECK, J. A. A motivação do aluno: aspectos introdutórios. In: BORUCHOVITCH, E.; BZUNECK, J. A. A motivação do aluno: contribuições da psicologia contemporânea. 3ed. Petrópolis, RJ: Vozes, 2001. p. 9-36.

BZUNECK, J. A. Como motivar os alunos: sugestões práticas. In: BORUCHOVITCH, E.; BZUNECK, J. A.; GUIMARÃES, S. E. R. Motivação para aprender: aplicações no contexto educativo. Petrópolis. RJ: Vozes, 2010. p. 13-42.

BZUNECK, J. A.; GUIMARÃES, S. E. R. A promoção da autonomia como estratégia motivacional na escola: uma análise teórica e empírica. In: BORUCHOVITCH, E.;

BZUNECK, J. A.; GUIMARÃES, S. E. R. Motivação para aprender: aplicações no contexto educativo. Petrópolis, RJ: Vozes, 2010. p. 43-70.

ESCOLA SUPERIOR DE AGRICULTURA LUIZ DE QUEIROZ (ESALQ). Assessoria de Comunicação [DvComun]. Perfil do Ingressante, 2022. Disponível em: www.esalq.usp.br/dvcomun/ingressantes. Acesso em: 2 set. 2022.

GUIMARÃES, S. E. R. A Organização da escola e da sala de aula como determinante da motivação intrínseca e da meta aprender. In: BORUCHOVITCH, E.; BZUNECK, J. A. A motivação do aluno: contribuições da psicologia contemporânea. 3ed. Petrópolis, RJ: Vozes, 2001. p. 62-86.

GUIMARÃES, S. E. R.; BORUCHOVITCH, E. O Estilo Motivacional do Professor e a Motivação Intrínseca dos Estudantes: uma perspectiva da teoria da autodeterminação. Psicologia: Reflexão e Crítica, Porto Alegre, RS, n. 17, p. 143-150, 2004. DOI: 10.1590/S0102-79722004000200002. Disponível em: scielo.br/j/prc/a/DwSBb6xK4RknMzkf5qqpZ6Q/?format=pdf&lang=pt. Acesso em: 10 set. 2022.

LEVY, P. As mutações da educação e a economia do saber. In: LEVY, P. Cibercultura. 6ed. São Paulo: Editora 34, 2007. p.169-176.

LOPES, T. V. Fatores intrínsecos e extrínsecos que interferem na motivação de aprendizagem em estudantes em EaD. 2018. 71f. Dissertação (Mestrado Profissional em

Controladoria e Finanças) - Universidade Presbiteriano Mackenzie, São Paulo, SP, 2018.

MORAN, J. Avanços e desafios na educação híbrida. Seminário online “Inovando na educação com modelos flexíveis”, 2021. Disponível em: bit.ly/seminariomoran3. Acesso em: 19 jun. 2021.

SÃO PAULO. Decreto n.º 65.061, de 13 de julho de 2020. Dispõe sobre a retomada das aulas e atividades presenciais, no contexto da pandemia de COVID19, e dá providências correlatas. Diário Oficial do Estado de São Paulo: São Paulo, p. 3, 2020a.

SÃO PAULO. Decreto n.º 65.140, de 19 de agosto de 2020. Altera a redação do Decreto nº 65.061, de 13 de julho de 2020, que dispõe sobre a retomada das aulas e atividades presenciais, no contexto da pandemia de COVID-19, e dá providências correlatas. Diário Oficial do Estado de São Paulo: São Paulo, p. 1, 2020b.

SÃO PAULO. Decreto n.º 65.384, de 17 de dezembro de 2020. Dispõe sobre a retomada das aulas e atividades presenciais no contexto da pandemia de COVID-19, institui o Sistema de Informação e Monitoramento da Educação para COVID-19 e dá providências correlatas. Diário Oficial do Estado de São Paulo: São Paulo, p. 8, 2020c.

SÃO PAULO. Deliberação n.º CEE 177/2020, de 18 de março de 2020. Fixa normas quanto à reorganização dos calendários escolares, devido ao surto global do Coronavírus, para o Sistema de Ensino do Estado de São Paulo, e dá outras providências. Conselho Estadual de Educação [CEE], 2020d.

SÃO PAULO. Resolução CoG n.º 7949, de 27 de abril de 2020. Dispõe sobre a substituição de atividades presenciais da graduação por atividades utilizando tecnologias de informação e comunicação durante o período de prevenção de contágio pela COVID-19 (Novo Coronavírus) durante o ano letivo de 2020 e dá outras providências. Universidade de São Paulo, 2020e.

SÃO PAULO. Resolução n.º CoG 7962, de 23 de junho de 2020. Fixa o Novo Calendário Escolar dos Cursos de Graduação da USP para o ano de 2020. Universidade de São Paulo, 2020f.

SÃO PAULO. Decreto n.º 65.849, de 6 de julho de 2021. Altera a redação do Decreto nº 65.384, de 17 de dezembro de 2020, que dispõe sobre a retomada das aulas e atividades presenciais no contexto da pandemia de COVID-19 e institui o Sistema de Informação e Monitoramento da Educação para COVID-19, e dá providências correlatas. Diário Oficial do Estado de São Paulo: São Paulo, p. 1, 2021a.

SÃO PAULO. Deliberação n.º CEE 195/2021, de 13 de janeiro de 2021. Fixa normas para a retomada tanto das atividades presenciais quanto das por meio remoto e para a organização dos calendários escolares para o ano letivo de 2021 no Sistema de Ensino do Estado de São Paulo, devido ao surto global do Coronavírus, e dá outras providências. Conselho Estadual de Educação [CEE], 2021b.

SÃO PAULO. Resolução n.º CoG 8076, de 15 de abril de 2021. Dispõe sobre a substituição de atividades presenciais da graduação por atividades utilizando tecnologias de informação e comunicação durante o período de prevenção de contágio pela COVID-19 no ano letivo de 2021 e dá outras providências. Universidade de São Paulo, 2021c.

SÃO PAULO. Resolução n.º CoG 8092, de 25 de maio de 2021. Altera dispositivo da Resolução CoG nº 8077, de 26 de abril de 2021, para redefinir os cursos de graduação das áreas da saúde em que se permite a realização de estágios práticos presenciais supervisionados durante o ano letivo de 2021 no contexto da pandemia da Covid-19. Universidade de São Paulo, 2021d.

SÃO PAULO. Resolução n.º CoG 8118, de 26 de agosto de 2021. Altera dispositivos da Resolução CoG n 8077, de 26 de abril de 2021, para permitir a realização de estágios práticos presenciais supervisionados durante o ano letivo de 2021 em todos os cursos de graduação no contexto da pandemia da Covid-19. Universidade de São Paulo, 2021e.

SÃO PAULO. Resolução n.º CoG 8156, de 16 de dezembro de 2021. Dispõe sobre a redução, em caráter excepcional no contexto da pandemia de Covid-19, para os formandos do ano letivo de 2021, da carga horária total dos cursos da área da saúde. Universidade de São Paulo, 2021f.

VIGOTSKY, L. S. A formação social da mente: o desenvolvimento dos processos psicológicos superiores. Trad. Grupo de Desenvolvimento de Ritmos Biológicos do Departamento de Ciências Biomédicas-USP. São Paulo: Martins Fontes, 2000.

Publicado

04/04/2024

Como Citar

HAMADA, F. L. K.; MARQUES, R. N. Motivação de discentes do Ensino Superior: Aulas remotas e presenciais. Revista on line de Política e Gestão Educacional, Araraquara, v. 28, n. 00, p. e023010, 2024. DOI: 10.22633/rpge.v28i00.19177. Disponível em: https://periodicos.fclar.unesp.br/rpge/article/view/19177. Acesso em: 21 maio. 2024.

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)