Sexualidade na adolescência: dúvidas de alunos de uma escola pública

Rita Mayara Amorim, Ana Cláudia Bortolozzi Maia

Resumo


Apesar do grande acesso a informações sobre sexualidade, muitos adolescentes ainda são desinformados nessa temática. O objetivo deste estudo foi verificar quais são e como são esclarecidas as dúvidas que alunos adolescentes têm sobre Sexualidade Humana. Participaram 20 alunos, de ambos os sexos e idade entre 11 e 15 anos, do 7º ano de uma escola pública do interior paulista, que responderam a um questionário com 9 questões, para posterior análise de conteúdo. As dúvidas foram categorizadas em temas: gravidez, doenças sexualmente transmissíveis, métodos contraceptivos e resposta sexual. Os temas de interesse foram: o uso de métodos contraceptivos, puberdade, sexo e masturbação, gravidez e virgindade. Os jovens consideraram importante conversar sobre sexualidade e relataram que procuram sanar suas dúvidas com seus pais, principalmente a mãe, com seus amigos e em internet. Conclui-se os alunos adolescentes relevaram dúvidas sobre sexualidade de cunho biológico e não recebem uma educação sexual intencional na escola. Espera-se que a escola possa assumir o papel de promover uma Educação Sexual adequada atendendo a demanda desses jovens.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.21723/riaee.v7i4.6290



Direitos autorais 2013 Revista Ibero-Americana de Estudos em Educação

 

Rev. Ibero-Americana de Estudos em Educação, Araraquara, SP, Brasil, e-ISSN: 1982-5587, ISSN: 2446-8606.

DOI Prefix: 10.21723/riaee

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.