Gestão do conhecimento na educação a distância: propondo competências para o nível operacional

Siderly do Carmo Dahle de Almeida, Andreia Mileski Zuliani Santos

Resumo


A modalidade a distância fez surgir uma nova gama de profissionais, que assumem papeis diversos. O presente artigo resulta de um estudo sobre as competências da tutoria e do gestor de tutoria em cursos de pós-graduação de uma Instituição de Ensino Superior. O estudo tem como principal objetivo propor competências técnico pedagógicas e de suporte para os cargos de tutoria e a gestão de tutoria e justifica-se pela necessidade de se formalizar competências destes agentes, adequando-os aos cargos/funções compatíveis com sua especialidade e experiências, colaborando assim para sua motivação, produtividade e desenvolvimento. Espera-se que o estudo possa fomentar reflexões sobre as principais competências que estes profissionais devem apresentar para exercer suas atividades com maestria no contexto da EaD.


Palavras-chave


Educação a Distância. Liderança. Gestão do Conhecimento. Competências. Tutoria.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.21723/riaee.v12.n1.8282



Direitos autorais 2017 Revista Ibero-Americana de Estudos em Educação

 

Rev. Ibero-Americana de Estudos em Educação, Araraquara, SP, Brasil, e-ISSN: 1982-5587, ISSN: 2446-8606.

DOI Prefix: 10.21723/riaee

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.