Possibilidades e desafios das avaliações em larga escala da educação básica na gestão escolar

Autores

  • Valdecir Soligo Doutorando em Educação pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos – UNISINOS – São Leopoldo – Rio Grande do Sul;

DOI:

https://doi.org/10.22633/rpge.v0i9.9275

Palavras-chave:

Avaliação em larga escala, Saeb, Prova Brasil, Gestão Escolar

Resumo

As avaliações em larga escala da educação adquiriram grande importância nas últimas décadas. Governos de todas as esferas passaram a utilizar mais seus resultados e investir mais recursos neste modelo de avaliação, com o objetivo de melhorar os investimentos e obter melhores resultados de rendimento escolar. No entanto, professores de educação básica e secretarias municipais, e por vezes estaduais, se distanciaram do processo de avaliação, passando ao papel de logística dos testes. Como resultado do distanciamento destes agentes ocorre o desinteresse da comunidade escolar pelas avaliações externas. Este artigo tem por objetivo problematizar o uso dos resultados das avaliações externas por professores, gestores e técnicos, a partir de propostas que consideram o processo das avaliações e os resultados dos testes como ferramentas de trabalho que podem contribuir na superação de deficiências de aprendizagem do conhecimento. O trabalho sistemático de entendimento e utilização dos resultados das avaliações em larga escala possibilitam um acompanhamento e melhoramento das práticas pedagógicas em sala de aula contribuindo com a melhoria da qualidade da educação.

Downloads

Publicado

25/01/2017

Como Citar

Soligo, V. (2017). Possibilidades e desafios das avaliações em larga escala da educação básica na gestão escolar. Revista on Line De Política E Gestão Educacional, (9). https://doi.org/10.22633/rpge.v0i9.9275

Edição

Seção

Artigos