A política educacional e a orientação sexual nas escolas

Lucia Rejane Gomes da Silva

Resumo


Neste artigo, buscou-se articular a discussão sobre a política educacional brasileira com a introdução da orientação sexual como tema transversal na educação básica e como possibilidade e alternativa emancipatória à realidade da educação pública, com suas dificuldades de cumprimento de um currículo que atenda aos anseios de superação da alienação humana, eduque para a vida e para a humanização do indivíduo.


Palavras-chave


Política educacional; Orientação sexual; Currículo escolar;

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22633/rpge.v0i5.9155



Rev. on line de Política e Gestão Educacional, Araraquara, SP, Brasil, e-ISSN: 1519-9029

DOI prefix: 10.22633/rpge

Licença Creative Commons 

Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.