A governança nas instituições de ensino superior públicas brasileiras

Autores

DOI:

https://doi.org/10.21723/riaee.v17i3.17085

Palavras-chave:

Administração pública federal, Governança pública, Universidades Federais

Resumo

A gestão de recursos e políticas públicas tem sido um grande desafio para os gestores públicos brasileiros. Logo, o tema da governança pública tornou-se um assunto proeminente nos últimos anos na administração pública brasileira. Neste cenário, estão inclusas as Universidades Públicas Federais, que são instituições federais de ensino superior e estão sujeitas a prestar contas tanto à sociedade, como aos órgãos de controle. Assim sendo, o objetivo da presente pesquisa consiste em analisar os parâmetros e fundamentos de governança nas Universidades Públicas Federais, bem como os resultados que estas apresentaram na última avaliação realizada pelo Tribunal de Contas da União (TCU) no ano de 2021. Para tanto, a metodologia teve a abordagem metodológica quanti-qualitativa e foi conduzida pela pesquisa bibliográfica e, também, documental. Os resultados encontrados demonstram que o tema da governança pública é recente e dispõe de poucas investigações. Além disso, destaca-se que as Universidades Públicas Federais ainda apresentam resultados insatisfatórios na avaliação de governança e gestão públicas do TCU.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Deusdete Junior Santos, Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD), Dourados - (MS) - Brasil

Mestre em Administração Pública (PROFIAP/UFGD)

Kellcia Rezende Souza, Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD), Dourados - (MS) - Brasil

Professora Adjunta do Programa de Pós-graduação em Educação Escolar e no Programa de Pós-Graduação em Administração pública da UFGD. Doutorado em Educação Escolar (UNESP).

Referências

ALVES, D. P. Acesso à informação pública no Brasil: Um estudo sobre a convergência e a harmonia existentes entre os principais instrumentos de transparência e de controle social. In: Prevenção e combate à corrupção no Brasil: 6o Concurso de monografias: Trabalhos premiados. Brasília, DF: Controladoria-Geral da União, 2011.

ALVES, L. E. S. Governança e cidadania empresarial. Revista de Administração de Empresas, São Paulo, v. 41, n. 4, p. 78–86, 2001. Disponible en: https://www.scielo.br/j/rae/a/d4bV9dchpKfsBbGk3Yv4YbK/abstract/?lang=pt. Acesso em: 20 marzo 2021.

BATISTA, E. M. Governança no setor público: Uma análise das práticas da Universidade Federal do Rio Grande do Norte. 2016. Dissertação (Mestrado Profissional em Gestão Pública) – Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2016. Disponible en: https://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/22297. Acesso em: 10 feb. 2021.

BEVIR, M.; RHODES, R. A. W. A decentered theory of governance: rational choice, institutionalism, and interpretation. UC Berkeley: Institute of Governmental Studies, 2001. Disponible en: https://escholarship.org/content/qt0bw2p1gp/qt0bw2p1gp.pdf. Acesso em: 09 feb. 2021.

BIZERRA, A. L. V. Governança no setor público: A aderência dos relatórios de gestão do Poder Executivo municipal aos princípios e padrões de boas práticas de governança. 2011. Dissertação (Mestrado em Ciências Contábeis) – Faculdade de Administração e Finanças, Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2011. Disponible en: https://www.bdtd.uerj.br:8443/handle/1/8063. Acesso em: 18 jun. 2021.

BRASIL. Referencial para Avaliação de Governança em Políticas Públicas. Brasília, DF: TCU, 2014a.

BRASIL. Dez passos para a boa governança. Brasília, DF: TCU; Secretaria de Planejamento; Governança e Gestão, 2014b.

BRASIL. Acórdão, Relatório e Voto Governança Pública. TC 020.830/2014-9 - Plenário. Brasília, DF: TCU, 2014c.

BRASIL. Decreto n. 9.203, de 22 novembro de 2017. Dispõe sobre a política de governança da administração pública federal direta, autárquica e fundacional. Brasília, DF: Presidência da República, 2017. Disponible en: https://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2015-2018/2017/decreto/d9203.htm. Acesso em: 12 feb. 2021.

BRASIL. Guia da Política de Governança Pública. Brasília, DF: Casa Civil da Presidência da República, 2018a.

BRASIL. Relatório de Acompanhamento. Acórdão 588/2018-TCU-Plenário, item 9.5.6. Brasília, DF: TCU, 2018b.

BRASIL. Lei n. 13.971, de 27 de dezembro de 2019. Institui o Plano Plurianual da União para o período de 2020 a 2023. Brasília, DF: Presidência da República, 2019a. Disponível em: https://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2019-2022/2019/lei/L13971.htm. Acesso em: 12 out. 2021.

BRASIL. Levantamento de Governança Pública Organizacional 2018. Brasília, DF: TCU, 2019b.

BRASIL. Referencial básico de governança aplicável a organizações públicas e outros entes jurisdicionados ao TCU. 3. ed. Brasília, DF: TCU; Secretaria de Controle Externo da Administração do Estado, 2020.

BRASIL. Levantamento de Governança Pública Organizacional 2021. Brasília, DF: TCU, 2021a.

BRASIL. Perfil Integrado de Governança Organizacional e Gestão Públicas - 2021. Brasília, DF: TCU, 2021b.

BRASIL. Relatório de Acompanhamento. Acórdão 2164/2021 - PLENÁRIO. Brasília, DF: TCU, 2021c.

CASTRO, A. M. D. A.; PEREIRA, R. L. A. Universidade flexível: Nova tendência para as universidades federais brasileiras. Revista Ibero-Americana de Estudos em Educação, Araraquara, v. 14, n. esp. 3, p. 1638-1654, oct. 2019. Disponible en: https://periodicos.fclar.unesp.br/iberoamericana/article/view/12738. Acesso em: 22 abr. 2021.

COSTA, N. S. Administração Pública e Governança: Uma análise da Universidade Federal da Paraíba à luz da Instrução Normativa MP/CGU 01/2016. 2019. Dissertação (Mestrado em Políticas Públicas, Gestão e Avaliação da Educação Superior) – Universidade Federal da Paraíba, João Pessoa, 2019. Disponible en: https://repositorio.ufpb.br/jspui/handle/123456789/19374. Acesso em: 07 abr. 2021.

DIAS, T.; CARIO, S. A. F. Sociedade, desenvolvimento e o papel estratégico do Estado: Uma reflexão sobre o surgimento da Governança Pública. Ensaios FEE, Porto Alegre, v. 35, n. 2, p. 337–362, 2014. Disponible en: https://core.ac.uk/download/pdf/235710684.pdf. Acesso em: 08 mayo 2021.

ESTRADA, R. J. S. Os Rumos do Planejamento Estratégico na Universidade Pública. 2000. Tese (Doutorado em Engenharia da Produção) – Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, 2000. Disponible en: https://repositorio.ufsc.br/handle/123456789/78511. Acesso em: 12 feb. 2021.

FERREIRA, C. S. Orçamento participativo e governança solidária local na prefeitura municipal de Porto Alegre. 2007. Dissertação (Mestrado em Administração) – Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2007. Disponible en: https://www.lume.ufrgs.br/handle/10183/10925. Acesso em: 12 abr. 2021.

FREIRE, L. F. S.; SOUZA, K. R. Proposições de acompanhamento de egressos nos planos de desenvolvimento institucional das universidades federais. Revista Tempos e Espaços em Educação, v. 14, n. 33, e16235, 2021. Disponible en: https://dialnet.unirioja.es/servlet/articulo?codigo=8076315. Acesso em: 08 dic. 2021.

FREIRE, B. D.; CONEJERO, M. A.; PARENTE, T. C. Saliência, influência e participação dos stakeholders nas estruturas de governança e no processo de tomada de decisão de instituições públicas de ensino superior. Revista Gestão Universitária na América Latina - GUAL, v. 14, n. 3, p. 251–275, 2021. Disponible en: https://periodicos.ufsc.br/index.php/gual/article/view/80297. Acesso em: 06 jun. 2021.

FILGUEIRAS, F. Indo além do gerencial: A agenda da governança democrática e a mudança silenciada no Brasil. Revista de Administração Pública, v. 52, n. 1, p. 71-88, enero/feb. 2018. Disponible en: https://www.scielo.br/j/rap/a/PryL9JzmYhyVBTrdG3GGxsr/?lang=pt&format=html. Acesso em: 27 oct. 2021.

FUCHS, P. G. Governança Pública e o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Santa Catarina - IFSC: Aspectos institucionais e reflexos na gestão. 2020. Dissertação (Mestrado em Administração) – Universidade do Sul de Santa Catarina, Florianópolis, 2020. Disponible en: https://repositorio.animaeducacao.com.br/handle/ANIMA/15119. Acesso em: 03 dic. 2021.

GESSER, G. A.; OLIVEIRA, C. M.; MACHADO, M. R. Governança Universitária: Contribuições Teóricas. In: COLÓQUIO INTERNACIONAL DE GESTÃO UNIVERSITÁRIA, 17., 2017, Mar del Plata. Anais [...]. Mar del Plata, Argentina, 2017. Disponible en: https://coloquio2017.paginas.ufsc.br/. Acesso em: 23 feb. 2021.

MARQUES, P. V. S. B. et al. Governança nas Universidades Federais do Brasil segundo o “Levantamento Integrado de Governança Organizacional Pública” do Tribunal de Contas da União. Revista Controle - Doutrina e Artigos, Fortaleza, v. 18, n. 2, p. 164-196, 2020. Disponible en: https://dialnet.unirioja.es/servlet/articulo?codigo=7671512. Acesso em: 20 mayo 2021.

MARTINS, H. F.; MARINI, C. Governança Pública Contemporânea: Uma tentativa de dissecação conceitual. Revista do TCU, n. 130, p. 42-53, 2014. Disponible en: https://revista.tcu.gov.br/ojs/index.php/RTCU/article/view/40. Acesso em: 16 oct. 2021.

MATIAS-PEREIRA, J. A governança corporativa aplicada no setor público brasileiro. Administração Pública e Gestão Social, Viçosa, v. 2, n. 1, p. 109-134, 2010. Disponible en: https://periodicos.ufv.br/apgs/article/view/4015. Acesso em: 25 jun. 2021.

MATIAS-PEREIRA, J. Governança pública e transparência no Brasil: Evolução, dificuldades e perspectivas. Revista de Administração Municipal, Humaitá, v. 282, p. 5-17, 2013.

MATIAS-PEREIRA, J. Curso de administração pública: Foco nas instituições e ações governamentais. 4. ed. São Paulo: Atlas, 2014.

MELLO, G.; SLOMSKI, V. Índice de Governança Eletrônica dos Estados Brasileiros (2009): No âmbito do Poder Executivo. JISTEM Journal of Information Systems and Technology Management, v. 7, n. 2, p. 375-408, 2010. Disponible en: https://www.scielo.br/j/jistm/a/c6fVMvRRzwPtRcRxJYKNSbq/abstract/?lang=pt. Acesso em: 15 marzo 2021.

NEVES, G.; GUIMARÃES, A.; JÚNIOR, A. Um Novo Modelo de Administração Pública. São Paulo: Macroplan, 2017.

OLIVEIRA, A. G.; PISA, B. J.; AUGUSTINHO, S. M. (org.). Gestão e governança pública: Aspectos essenciais. Curitiba: UTFPR Editora, 2016.

PEREIRA, F. N. et al. Nova Gestão Pública e Nova Governança Pública: Uma análise conceitual comparativa. Revista Espacios, v. 38, n. 7, 2017. Disponible en: https://www.revistaespacios.com/a17v38n07/a17v38n07p06.pdf. Acesso em: 19 abr. 2021.

RHODES, R. A. W. The New Governance: Governing without Government. Political Studies, v. 44, n. 4, p. 652-667, 1996. Disponible en: https://journals.sagepub.com/doi/abs/10.1111/j.1467-9248.1996.tb01747.x. Acesso em: 23 feb. 2021.

RIBEIRO, A. C. R. N. O controle externo de políticas públicas realizado pelo TCU: Estudo de casos. 2017. Dissertação (Mestrado em Direito e Políticas Públicas) – Universidade de Brasília, Brasília, DF, 2017. Disponible en: https://repositorio.uniceub.br/jspui/handle/prefix/12794. Acesso em: 13 feb. 2021.

ROCHA, E. M. Governança Pública: Análise das práticas adotadas pela Polícia Federal na Superintendência do Espírito Santo. 2017. Dissertação (Mestrado em Gestão Pública) – Universidade Federal do Espírito Santo, Vitória, 2017. Disponible en: https://repositorio.ufes.br/handle/10/8693. Acesso em: 06 jun. 2021.

RODRIGUES, A. L.; MALO, M. C. Estruturas de governança e empreendedorismo coletivo: O caso dos doutores da alegria. Revista de Administração Contemporânea, v. 10, n. 3, p. 29-50, 2006. Disponible en: https://www.scielo.br/j/rac/a/CQ5RwhWBzyKTvmgXpSRbx8C/abstract/?lang=pt. Acesso em: 18 feb. 2021.

SALES, E. C. D. A. S. et al. Governança no setor público segundo a IFAC – estudo nas Universidades Federais Brasileiras. Brazilian Journal of Business, Curitiba, v. 2, n. 2, p. 1477-1495, 2020. Disponível em: https://brazilianjournals.com/ojs/index.php/BJB/article/view/11505. Acesso em: 13 feb. 2021.

SOUZA, K. R.; SILVA, R. D.; SOUSA, A. P. M. A obrigatoriedade, gratuidade e financiamento da educação como um direito social no Brasil. Revista on line de Política e Gestão Educacional, Araraquara, v. 23, n. 2, p. 328-340, mayo/ago. 2019. Disponible en: https://periodicos.fclar.unesp.br/rpge/article/view/12363. Acesso em: 11 feb. 2021.

TEIXEIRA, A. F.; GOMES, R. C. Governança pública: Uma revisão conceitual. Revista do Serviço Público, Brasília, v. 70, n. 4, p. 519-550, 2019. Disponible en: https://repositorio.enap.gov.br/handle/1/5422. Acesso em: 13 mayo 2021.

VIEIRA, J. B.; BARRETO, R. T. S. Governança, gestão de riscos e integridade. Brasília, DF: Enap, 2019.

ZORZAL, L. Transparência das informações das universidades federais: Estudo dos relatórios de gestão à luz dos princípios de boa governança na Administração Pública Federal. 2015. Tese (Doutorado em Ciência da Informação) – Universidade de Brasília, Brasília, 2015.

ZORZAL, L.; RODRIGUES, G. M. Transparência e boas práticas de governança: Análise de padrões e princípios nos relatórios de gestão de universidades federais brasileiras. In: ENCONTRO NACIONAL DE PESQUISA EM CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO, 17., 2016, Salvador. Anais [...]. Salvador: XVII ENANCIB, 2016. Disponible en: https://docplayer.com.br/37679587-Xvii-encontro-nacional-de-pesquisa-em-ciencia-da-informacao-xvii-enancib.html. Acesso em: 13 marzo 2021.

Publicado

01/07/2022

Como Citar

SANTOS, D. J.; SOUZA, K. R. A governança nas instituições de ensino superior públicas brasileiras. Revista Ibero-Americana de Estudos em Educação, Araraquara, v. 17, n. 3, p. 1532–1557, 2022. DOI: 10.21723/riaee.v17i3.17085. Disponível em: https://periodicos.fclar.unesp.br/iberoamericana/article/view/17085. Acesso em: 4 dez. 2022.

Edição

Seção

Artigos

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)