Inclusão escolar: algumas discussões em educação matemática

Erica Aparecida Capasio Rosa, Ivete Maria Baraldi

Resumo


Este artigo apresenta considerações sobre legislações, dissertações e teses defendidas no Programa de Pós-Graduação em Educação Matemática que discutem essa temática e algumas reflexões sobre inclusão escolar a partir de recortes das narrativas de professores que ensinam matemática de um município do estado de São Paulo, participantes da pesquisa de E. Rosa (2014). Em tal pesquisa foram entrevistados nove professores, sendo sete professores de Matemática e duas professoras de Educação Especial. Para constituir essas narrativas foi utilizada como metodologia a da História Oral. Ao final concluímos que quando estamos falando sobre inclusão escolar, estamos falando de outro “modelo de escola”, pois este em que as professoras relatam e que aí está continua à excluir, até mesmo inconscientemente as pessoas com deficiência, transtorno global do desenvolvimento, altas habilidades e superdotação.


Palavras-chave


Educação matemática inclusiva. Escola. Alunos com deficiência. Professores. Narrativas.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.21723/RIAEE.v11.n2.p690



Direitos autorais 2016 Revista Ibero-Americana de Estudos em Educação

 

Rev. Ibero-Americana de Estudos em Educação, Araraquara, SP, Brasil, e-ISSN: 1982-5587

DOI Prefix: 10.21723/riaee

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.